Homem desperta do coma e diz que viu o céu: “É um lugar que oferece liberdade”


Imagem ilustrativa. Após entrar em coma, Stephen diz que viu Jesus Cristo no céu. (Foto: Shutterstock)


Depois de receber sofrer uma grave reação alérgica e entrar em coma, Stephen relata que viu o céu e conheceu Jesus Cristo.

Algumas pessoas têm experiências com o céu no momento em que estão entre a vida e a morte, e o escritor Stephen Musick é uma delas.

Depois de receber a vacina contra a gripe suína, Musick sofreu uma forte reação alérgica e ficou em grave estado de saúde. “Eu desmaiei no pronto socorro e fiquei em coma por cinco semanas”, ele contou ao site Faith Wire. Foi nesse tempo que Musick viu o céu e conheceu Jesus.

“A parte mais intensa do céu para mim foi a sensação de estar inserido numa alegria pura”, ele lembra. “Não há nada que eu possa dizer que te ajude a mensurar como é estar naquele lugar. É um lugar absolutamente seguro e que te apresenta total liberdade ao mesmo tempo.”

Musick teve a visão de um céu composto por um ambiente agrário, contando com árvores, campos de trigo, colinas e montanhas. Ele chegou a ter um encontro com Jesus e andar de braços dados com Ele no céu.

“Jesus tinha a aparência de um homem com mais de 30 anos, cabelos longos e olhos castanhos”, disse Musick. “Ele não é muito alto, mas é forte. Você poderia imaginá-lo até mesmo como um fisiculturista.”

Em sua experiência, Musick entendeu que não poderia permanecer no céu porque ele ainda teria propósitos a serem cumpridos na Terra. Quando se recuperou de seu estado crítico de saúde, ele conta que se sentiu espantado com o contraste entre o céu e o mundo.

Multiforme graça

Esta não é a primeira vez que se ouve relatos da aparição de Jesus para salvar pessoas à beira da morte. As pessoas que tiveram experiências de quase-morte e viram Jesus, descreveram sua aparência de diversas formas.

“Ele aparece do jeito que nós conseguimos reconhecer", disse um dos relatos disponíveis, em inglês, no site near-death.com, que compartilha diversos testemunhos de quase-morte.

Segundo Valvita Jones, Jesus tem "o cabelo ondulado, castanho escuro e avermelhado, olhos profundos e azuis claros, e a pele bronzeada”. Já para Lorraine Tutmarc, Cristo apareceu com "cabelos castanhos e ondulados, bonito, alto, e com um olhar cheio de significados.”

Susan diz que Jesus tem "cabelo castanho escuro e olhos castanhos escuros". Já Clara observa que Jesus tem um "cabelo marrom escuro na altura dos ombros, olhos negros e escuros em torno das pálpebras, olhos com de amor, e a pele cor de oliva."

Guiame

Cabo Daciolo dará 7 voltas no Congresso para expulsar Satanás

Deputado segue o modelo de Josué e pede que cristãos se juntem a ele em jejum e oração
O deputado federal Cabo Daciolo (PTdoB/RJ) ficou conhecido pelos seus discursos inflamados, cheios de referências à Bíblia e sua postura profética na tribuna do Congresso. Em várias ocasiões ele alertou que Deus faria uma limpeza na política e que muitos parlamentares, inclusive evangélicos, cairiam se não mudasse de postura.

No mesmo dia em que Eduardo Cunha, ex-presidente da Câmara dos Deputados e que fazia parte da bancada evangélica, foi condenado a 15 anos de prisão por corrupção. Daciolo comunicou aos seus pares que estava fazendo um propósito, no modelo de Josué.

Citando o relato bíblico da queda das muralhas de Jericó, o congressista carioca disse que faria um ato simbólico, dando sete voltas ao redor do Congresso para expulsar o “demônio da corrupção”.

Mostrou-se preocupado ao listar várias pautas que estão tramitando na Casa e que podem mudar a história do país, incluindo a legalização do aborto. “Acredito que só não está pior por que há muitos clamando, orando e jejuando”, asseverou. Depois, deixou claro que estava preocupado por que há pastores envolvidos em corrupção. Embora não tenha citado nomes, é sabido que há vários deputados que são pastores.

O Cabo repreendeu os demônios que, segundo ele, influenciam a nação e disse que iria dar 7 voltas até que caiam “os gigantes” espirituais que agem ali.

Horas depois, publicou um vídeo em sua conta oficial no Facebook, onde aparece dando a primeira volta das sete que pretende dar, seguindo o relato bíblico. “Eu sirvo um Deus das causas impossíveis”, disse ele antes de começar a caminhar.

“Pode até parecer loucura… eu creio que o gigante da corrupção vai cair por terra”, afirmou no início do vídeo. Repreendendo Satanás, no melhor estilo pentecostal. 

Afirmou que está entrando em “um propósito de jejum e oração” e convocou os cristãos do país para se juntarem a ele. Finalizou dizendo que hoje foi a primeira das sete voltas que dará, conforme havia anunciado no plenário.
1ª Volta

No texto que acompanha o vídeo, escreveu: “Hoje iniciamos a nossa caminhada de fé em torno do Congresso Nacional. Serão sete dias consecutivos, sendo que no sétimo dia, 5 de março, quarta-feira, daremos sete voltas completas em torno do Congresso Nacional. Deus vai nos dar a vitória. Junte-se a nós em Jejum e Oração”.

GospelPrime

Sérgio Moro condena Eduardo Cunha a 15 anos de prisão

Ex-deputado é acusado dos crimes de corrupção, lavagem e evasão fraudulenta de divisas
O juiz federal Sérgio Moro condenou o ex-presidente da Câmara e ex-deputado federal Eduardo Cunha (PMDB/RJ) pelos crimes de corrupção, lavagem de dinheiro e evasão fraudulenta de divisas. Ao todo serão 15 anos e 4 meses de prisão. A condenação é somente pela ação envolvendo propinas recebidas pela compra do campo petrolífero de Benin, na África, pela Petrobras, em 2011.

Se quiser conseguir uma progressão de pena e sair antes do prazo previsto, como aconteceu com vários condenados políticos, Cunha terá de devolver o dinheiro que ganhou nessa operação.

A sentença do magistrado da Lava Jato diz: “Considerando as regras do artigo 33 do Código Penal, fixo o regime fechado para o início de cumprimento da pena. A progressão de regime para a pena de corrupção fica, em princípio, condicionada à efetiva devolução do produto do crime, no caso a vantagem indevida recebida, nos termos do artigo 33, §4º, do Código Penal.”

Desde 19 de outubro, Eduardo Cunha estava preso preventivamente em Curitiba. Segundo a denúncia, ele recebeu propina de 5 milhões de reais. Essa quantia foi recebida pela offshore Acona International Investments no Banco Suíço BSI.

Os valores, repassados pelo operador do PMDB João Augusto Henriques, vieram da Petrobras, após a compra de 50% dos direitos de exploração de um campo de petróleo em Benin, ao custo de US$ 34,5 milhões.

O negócio conduzido pela Diretoria Internacional da estatal, entregou a propina ao PMDB dento do esquema de corrupção do partido na estatal. A defesa de Cunha informou que vai recorrer ao Tribunal Regional Federal.

Gospelprime

Teologia da Prosperidade - Macula o EVANGELHO

❝ Se você nasceu ou se converteu nos últimos 20 anos, a probabilidade de VOCÊ não SABER absolutamente NADA do que é EVANGELHO é muito GRANDE. ❞

"...Fomos catequizados , influenciados por Kenet hagin, Benny hinn, fomos influenciados pelos Morris Cerullos. Pessoas que desconhecem o Santo Evangelho ,falsos profetas lobos devoradores. Que incutiram no evangelicalismo Nacional toda a sorte de heresia.

Você cresceu vendo homens derrubar pessoas no chão, unção do riso, dente de Ouro, Pó de ouro na mão, Prosperidade.

ISSO NÃO É EVANGELHO. Isso é a manifestação mais grotesca, do que se pode chamar graça.

Os nossos super heróis tiram paletós, sapatiam, derrubam pessoas ,São milionários e trouxeram um modelo de culto, que eu acredito que sobe para Deus, como algo podre, Fétido!

Como está em Amós 5 "...Não posso suportar seus sacrifícios ,suas assembleias solene não me dão nenhum prazer. Afasta de mim o estrépito dos seus cânticos, porque eu não posso ouvir as melodias dos seus instrumentos..."

Pr Paulo Junior

“Bíblia nos dá direito a essa terra, não a Wikipedia”, diz ministro de Israel

Em evento comemorativo do 50º aniversário da Guerra dos Seis Dias, ministros defendem assentamentos na Cisjordânia

Durante o encontro do Conselho de Comunidades Judaicas da Judéia e Samaria, ocorrido em Washington, nesta terça-feira (28), o ministro das Comunicações, Tzachi Hanegbi, fez uma declaração inesperada.

Ao falar sobre a tentativa da ONU de impedir a construção de assentamentos na Cisjordânia, ele disparou “A defesa é importante, a segurança é importante, mas a coisa mais importante é a reivindicação moral de Israel. Estamos empenhados em seguir em frente, vivendo em nossa terra, terra essa que não nos foi dada pelo Google e Wikipedia, mas pela Bíblia”.

O evento em que Hanegbi falou foi organizado para comemorar o 50º aniversário da Guerra dos Seis Dias. Esta foi a primeira vez que o Conselho realizou um evento em Washington concomitantemente com a conferência do AIPAC (Comitê EUA-Israel de Negócios Públicos), visando conseguir apoio tanto nos Estados Unidos como na União Europeia para a construção de mais assentamentos.

Também discursou o ministro da Habitação e Construção, Yoav Galant, que fez questão de lembrar aos presentes que não usam o nome Cisjordânia, preferindo referir-se à região com o nome bíblico. “Para nós, Judeia e Samaria são Israel”, destacando o controle contínuo da Área C – nome dado pela ONU – é “existencialmente necessário” para o futuro do Estado judeu.

Falando depois de seus colegas, a vice-ministra das Relações Exteriores, Tzipi Hotovely, disse que há três argumentos “justos” para que o governo israelense continue construindo casas na Área C, reivindicada pela Palestina. Segundo ela, a vitória de Israel na Guerra dos Seis Dias é o fator determinante.

“Foi uma guerra justa. É uma defesa justa. Mas o mais importante, foi baseado em uma reivindicação justa”. Para ela, é uma reivindicação do povo judeu a recuperação das áreas bíblicas de Bet-El, Siquém, Jerusalém e Hebron, objeto de disputa com a Autoridade Palestina.


Incisiva, acrescentou “Eu sempre digo que a ocupação é um mito, porque nunca ocupamos a terra de outras pessoas. Esta é a terra judaica [Judéia e Samaria] e deve ser para sempre uma terra judaica, sob a lei israelense”.

Essas declarações com tons religiosos sempre são criticadas, mas ecoam a postura do primeiro-ministro Benjamin Netanyahu. No ano passado, falando a alunos da rede pública, ele declarou: “Antes de tudo, estudem a Bíblia. Devemos fazer um grande esforço, pois esta é a razão do porquê estamos aqui, dos motivos pelos quais retornamos a esta terra e que nos motiva a ficar aqui.”

Os discursos dos ministros de Israel se contrapõem diretamente às recentes decisões do Conselho de Segurança da ONU. Dominado por países islâmicos, em dezembro de 2016, ele aprovou uma resolução exigindo o fim da construção de assentamentos israelenses no que chama de “territórios palestinos ocupados”. 

Com informações Jerusalém Post

Milena Toscano diz que atuar em “O Rico e Lázaro” fortaleceu sua fé

“Acho que a fé é algo que você tem que trabalhar e praticar todo dia", afirmou a atriz.
Milena Toscano está de volta à TV como a protagonista Joana da novela “O Rico e Lázaro”. Na história bíblica, a hebreia é disputada pelos amigos Asher (Dudu Azevedo) e Zac (Igor Rickli).

“Ela é uma mulher de uma fé inabalável, de uma luz espetacular, uma personagem cheia de vida, cheia de força. E que fica entre esses dois homens, mas nenhum deles têm fé. E isso pra ela é inquestionável. Acho que quem tiver mais fé, vai levar a Joana”, comentou em coletiva de imprensa a PurePeople.

Toscano relatou que tem aprendido com a sua personagem na trama. “Sou uma pessoa de muita fé, mas a Joana tem me ensinado cada vez mais. Acho que a fé é algo que você tem que trabalhar e praticar todo dia”, afirmou.

“Um sorriso, um ‘bom dia’, ‘boa tarde’, ‘boa noite’, uma palavra de carinho às vezes pode mudar o dia de uma pessoa. E, para mim, isso é trabalhar a fé diariamente”, acrescentou Milena.

Milena começou atuar na TV em 2003 na minissérie “A Casa das Sete Mulheres”. Depois de uma rápida passagem pelo SBT, em 2005, marcou presença em cinco novelas da Globo, fora participações em seriados e na edição 2011 do “Dança dos Famosos”.
O Rico e Lázaro estreou dia 13

A história do povo hebreu ganha mais um capítulo na tela da Record. O Rico e Lázaro é a terceira novela da emissora inspirada na Bíblia.

A novela foi ambientada em 600 a.C., época em que Jerusalém está prestes a perder as conquistas de Moisés e Josué. É nesse cenário que se desenvolve a trajetória dos amigos Zac, interpretado pelo ator Igor Rickli, e Asher, vivido pelo ator Dudu Azevedo.

A autora Paula Richard comentou sobre a história. “De certa forma, trata-se de uma continuidade. Josué conquistou a Terra Prometida e agora os hebreus estão prestes a perdê-la. Tudo porque esqueceram sua aliança com Deus”, destacou.

Gospel Prime

Conheça a história do casal cristão que salvou mais de 300 judeus, na Segunda Guerra


Jan e Antonina Zabinski (à esquerda) e os atores Jessica Chastain e Johan Heldenbergh (à direita). (Foto: AdoroCinema)


A história de Jan e Antonina Zabinski será contada no filme "O Zoológico de Varsóvia", que chega aos cinemas brasileiros em abril. Eles ajudaram a livrar centenas de judeus da opressão nazista.

Ainda ao final do mês de março deste ano (2017), os cinemas norte-americanos receberão entre os lançamentos, um filme que pode emocionar a muitos. "O Zoológico de Varsóvia" ("The Zookeeper's Wife") conta a história de um casal cristão que ajudou a salvar mais de 300 judeus durante a Segunda Guerra Mundial.

"Baseada em fatos reais, a trama acompanha a história dos mantenedores do zoológico de Varsóvia, capital da Polônia, que salvaram inúmeras pessoas de ataques nazistas durante a Segunda Guerra Mundial. Durante a invasão, Jan e Antonina Zabinski abrigaram judeus nas jaulas de seu estabelecimento. Jessica Chastain e Johan Heldenbergh fazem os protagonistas e Daniel Bruhl interpreta um dos homens do regime nazista", conta a sinopse do filme.

O filme é adaptado do livro que leva o mesmo nome e foi escrito pela autora Diane Ackerman. Antonina e Jan Żabiński, um marido e esposa cristãos, supervisionavam os animais do Zoológico de Varsóvia, na Polônia, durante a década de 1930, com muito amor e cuidado.

O Zoológico de Varsóvia floresceu e se tornou um destino, que pessoas de toda a Europa iam visitar. Mas o ano de 1939 marcou um ponto alto na história do casal. Os nazistas invadiram a Polônia e diversas nações acabaram mergulhando na Segunda Guerra Mundial.

Sob a ocupação nazista, a Polônia foi envolta em medo e opressão. Mas ninguém sofria mais do que a população judaica que logo enfrentaria perseguição e genocídio implacáveis. Jan e Antonina viram o abuso que os judeus sofriam nas mãos dos nazistas. A comunidade judaica em geral - na qual o casal cristão tinha muitos amigos - acabou sendo levada para o tenebroso Gueto de Varsóvia.

Mas apesar da ameaça nazista - que se estendia a qualquer pessoa que ousasse questionar o regime de Hitler - os Żabiński não podiam ficar indiferentes diante de tal injustiça e maldade. Eles se juntaram à resistência polonesa e assumiram a responsabilidade de realizar um plano que resgatasse judeus do gueto. Durante a guerra, eles abrigaram e protegeram mais de 300 judeus no Zoológico de Varsóvia que eles gerenviavam, mantendo esses convidados a salvo dos nazistas.

O pastor Kim Door, da igreja Tilley Bel Air, teve a oportunidade de assistir à pré-estreia filme ao filme e se emociou com a história, que lhe permitiu reflexões preciosas.

"Eu chorei várias vezes enquanto eu observava a injustiça e a opressão ser retratada na tela. Mas também me maravilhei com a força e coragem interior que vi nas vidas de Jan e Antonina (interpretadas por atores notáveis ​​Jessica Chastain e Johan Heldenbergh) e de outros integrantes da resistência", contou.

"Eram pessoas comuns - como você e eu - sacrificando sua segurança para lutar contra mal. Enquanto eu assistia ao filme, muitas vezes me perguntava: 'O que eu faria e estaria disposto a arriscar minha vida para fazer a coisa certa e salvar as vidas de pessoas inocentes?", acrescentou.

A compaixão e as convicções do corajoso casal resultaram em centenas de vidas salvas. De acordo com o romance, "The Zookeeper's Wife", Jan e Antonia eram cristãos que se sentiram chamados a lutar contra a opressão nazista.

"O filme nos mostra como mais uma vez Deus usa pessoas comuns para fazer coisas extraordinárias. Quando o Estado de Israel mais tarde honrou os Żabińskis como Justos Entre as Nações, o casal permaneceu humilde sobre suas realizações. No fundo de seus corações eles sabiam que estavam realizando a obra do Senhor e não precisavam do reconhecimento", finalizou o pastor.

O filme "O Zoológico de Varsóvia" tem lançamento previsto para o dia 27 de abril.

Guiame

07 de Abril Dia Mundial da Saúde Comer Alimentos Saudáveis ​​Todos os Dias!

Importante! O Dia Mundial da Saúde é no dia 7 de abril, um dia especial criado pela Assembleia Mundial da Saúde para promover informação e motivação para as pessoas a serem mais saudáveis.

Então você não pode ficar de fora! Comece na alimentação mais saudável, corte o cigarro, álcool, alimentos industrializados, sal e açúcar em excesso e pratique atividade física.

Saiba quais os alimentos são melhores para você.Quais as coisas boas para comer todos os dias em uma alimentação saudável?
Azeite
Entre o próprio óleo, sem nenhum processo de tratamento químico, a história é que é um bom óleo de baixa qualidade para menos de 1% de acidez.

Basta comer direito, portanto, também é bom.

• O ácido oleico: ácidos graxos monoinsaturados <ômega -9> 55% ~ 83%
• Linoleico: ácidos graxos poli-insaturados <ômega -6>% ~ 3,5-21%
• Ácido palmítico: 20% de ácidos gordos 7,5 saturadas
• Esteárico: ácidos graxos saturados 5% 0,5
• Ácido linolênico: ácido graxo poli-insaturado <ômega> 0,5%

Essas coisas são embaladas. Então pode ser muito conhecido e muito bom para a prevenção da doença cardiovascular.

Além disso, Tocoferóis, fenóis, poli fenóis, também contém antioxidantes, tais como os hidrocarbonetos e contém vestígios de minerais essenciais, recomenda-se para ajustar adequadamente a velocidade e para tornar a constipação confortável e dispepsia a secreção gástrica.

Reduz o colesterol ruim, a secreção de colesterol benéfico é dita para ajudar. Bons ossos e desenvolvimento do cérebro em crianças

Armadilhas
Os ácidos graxos no óleo de oliva também são recomendados como gordura, porque com ele é capaz de fazer um monte de coisa que você gosta. Mesmo se o açúcar no sangue dos diabéticos que necessitam de atenção deve estar bem para consumir um pouco, esta é a hora de tentar falar com o seu médico. Se você gosta muito, pode causar níveis de gordura no sangue, que seria bom se tomasse uma ou duas colheres de sopa por dia.

Óleo de Coco.
O óleo de coco é um ácido gordo saturado 87g por 100g (não boa). O consumo adulto é de 20g de gordura saturada diária aceitável. Um número significativo. Pelo contrário, é susceptível de causar doença cardíaca.

Alho
O que eu tenho que dizer se o alho é bom para o corpo?
1. Excelente atividade antibacteriana! Especialmente na intoxicação alimentar, com bactérias que causam nos dias quentes de verão, como estafilococos, estreptococos. Coli, Vibrio, Etc. No antigo Egito, Roma, Grécia, China e Índia também têm um grau de medicina preventiva do alho.

2. Bom para doença vascular!
Recomenda-se também para hipertensão, aterosclerose, hiperlipidêmica e semelhante. Ele reduz a concentração de triglicérides pode melhorar a eficácia de tal prática, reduzir o colesterol.

3. A comida anticâncer! O alimento de inibição de câncer, orgânica germânio, selênio. Também foi provado que previne o câncer de fígado, câncer de pulmão, câncer de estômago através de experiências com animais.

4. Melhora a Demência ainda! Aumenta a imunidade e alivia o stress, etc.

Cebola
Um dos fatos interessantes é um componente constituinte da quercetina, que tem uma boa eficácia na promoção da virilidade.

Cebola são uns ingredientes emulsionados a expandir os vasos sanguíneos, o que aumenta a temperatura do corpo. Este ingrediente é dito ser eficaz quando consumido cru. Quercetina ajuda a remover a gordura na parede dos vasos sanguíneos. As cebolas são um alimento saudável que você tem que comer!

Ovos
Ovos é são abundantes em uma das vitaminas do complexo B. É essencial para fazer a membrana celular. Comer apenas dois ovos por dia é pelos seus nutrientes.

Ovo é bom tanto para crianças ou idosos, assim como para o cérebro e neurotransmissores. A vitamina E é boa para a proteína antienvelhecimento que é essencial para uma pele saudável e para o fígado. Existem cisteína e lecitina, que faz a decomposição do acetaldeído devido à ressaca.

É bom para os olhos, perda de cabelo, etc.!

Maçãs (comer a casca)
Uma maçã contém fibra de 4,5 á 5g. Se você comer 10g de fibra por dia pode reduzir o nível de gordura visceral de 3,5%.Bem como o fato de comer a casca da maçã, tais como diferentes frutas, legumes deve tentar.

Mas as frutas da estação como uma maçã é uma boa comida. Mas comer com moderação, porque elas têm uma ingestão de açúcar.

Canela
Antioxidantes a canela em pó é conhecido por ser extremamente poderosa. Comer 1 colher de chá de canela é suficiente para consumir manganês correspondente a 22% da quantidade diária recomendada. Manganês é para auxiliar no osso, secreção de hormônios sexuais, a coagulação do sangue. O efeito mais comum de canela é antibacteriano.

Brócolis
Brócolis contêm várias vitaminas e minerais e é um dos alimentos mais ricos em vitamina C e A que é abundante para a pele, fadiga, etc.

O cálcio, potássio, fósforo, vitamina A, vitamina B1, B2 boa e rica para o fortalecimento do sistema imunológico, e do sistema nervoso.

E um alimento famoso nos efeitos anticâncer, como, cancro da mama, doença pulmonar, até mesmo para ajudar as doenças cardiovasculares!

Também conhecida como uma boa e saudável comida no estômago, a abundância de cálcio também é recomendado para crianças em crescimento.
Aveia
A aveia tornou-se famosa em nosso país devido ao efeito na dieta. É útil em sua dieta para se sentir saciado. Aveia é bom para a resistência, realmente útil para a secreção do hormônio masculino.

A eficácia de aveia Ida típica e aminoácidos essenciais ditos para ajudar a prevenir doenças cardíacas, prevenção de arteriosclerose em crianças.

Legumes
O feijão é muito rico em nutrientes, o suficiente para ser chamado de "carne do campo”. Porque a qualquer hora, em qualquer lugar fácil de comprar mais barato.

Baixo teor de gordura, proteína de alto teor calórico no fígado, bom para a saúde dos músculos, cálcio também é abundante em ossos, dentes e sangue.

Abacate

Grande alimento, suficiente conhecido por ser um dos frutos mais nutritivos do mundo.

Abacate contém 100g <18g 0.21mg="" 1.34mg="" 5.30mg="" 62="" 720mg="" 72="" b2="" b6="" c="" de="" diet="" e="" fibra="" gordura="" mg="" pot="" ssio="" tica="" vitamina=""> Este exemplo pode também aumenta o teor de gordura denominada «manteiga na floresta". Insaturado uma vez que os ácidos gordos no sangue estão altos ele é recomendado.

Você já deve ter ouvido que a obesidade é um dos piores fatores contra sua saúde e que a reeducação alimentar é o caminho para ter bom peso e boa longevidade.

Reeducação Alimentar como o nome mesmo diz é o programa onde o individuo reaprende a comer e viver mais saudável.

Reeducação Alimentar Emagrece Rápido?

Depende da sua disposição em mudar, quanto mais você troca sua comida e bebida para saudável, na qualidade e quantidade certa dos alimentos mais você emagrece, por isso muitas pessoas buscam planos alimentares mais completos como o Plano Detox.

Se você procura como emagrecer rapido saiba que o caminho certo é primeiro uma Dieta Detox e depois uma boa programação alimentar.

O objetivo maior é emagrecer e não engordar, para isso é preciso um plano a longo prazo, procure programa de reeducaçao alimentar e comece devagar todos os dias mude aos poucos seu hábitos alimentares, conheça mais alimentos e receitas saudáveis, vai mudando sua agenda, lista de compras e rotina. Vera que a logo prazo (1ano) você estará totalmente adaptada na reeducação alimentar.

Dia Mundial da Saúde Participe e Tenha Mais Saúde - 07 de Abril



Por Prof. Rosi

Mulher de 105 anos revela segredo para uma vida longa: "Estudar a Bíblia"


Florence quer que sua vida possa inspirar as outras pessoas. (Foto: Reprodução).


Florence Motley já presenciou 19 eleições presidenciais, duas guerras mundiais e outros acontecimentos históricos. No entanto, a Bíblia continua sendo o motivo de sua longevidade.

Uma idosa que está completando 105 anos nesta semana diz que tem muita história para contar. E de fato tem. Florence Motley é a mais velha cidadã afro-americana no estado de Washington, nos Estados Unidos.

Ela nasceu em 1912 — o ano em que o Titanic afundou —, viu 19 eleições presidenciais, duas guerras mundiais, o sufrágio das mulheres e o movimento dos direitos civis.

Enquanto muitos estão tentando descobrir a chave para se ter uma vida longa e abundante, a idosa cristã diz que sabe dessa resposta e que ela é bastante simples e clara: estudar a Bíblia.

"Dou todo meu louvor ao Senhor", diz ela, acrescentando que sua idade é "uma bênção de Deus". Florence cresceu em uma fazenda como filha única e aprendeu os valores do duro trabalho desde muito nova.

"Eu tinha bons pais, uma ótima vida em casa. Desde muito cedo eu trabalhava bastante e era muito disciplinada", contou ela. A idosa também atuou em vários comitês da igreja de sua comunidade e passou 15 anos de sua vida como enfermeira no instituto Tennessee State Mental.

"Eu gostava do meu trabalho lá porque eu sempre podia cuidar e ajudar as pessoas que precisavam de amparo", ressaltou.

Agora, ela quer que sua vida possa inspirar as outras pessoas. Ela também pretende incentivar a juventude de hoje a trabalhar duro e definir metas. "Se você não tem um objetivo e não trabalha duro por ele, você vai apenas transferir seu trabalho e esforço para outras coisas que talvez não sejam tão importantes assim", disse ela.

Acima de tudo, ela acredita que a vida se resume a três princípios básicos: "Comer direito, descansar e estudar a Bíblia". Florence planeja passar seu aniversário com sua neta e espera muitos mais aniversários para estar viva e comemorar.

Guiame

Vídeos com testemunhos de ex-gays convertidos são censurados no Vimeo


Em 2015, a Vimeo não publicou um anúncio da "Conferência da Esperança", com palestrantes como Janet Mefferd e Joe Dallas. (Foto: Reprodução).


Embora a plataforma permita vídeos de conteúdo pornográfico e de extremismo muçulmano, testemunhos de ex-gays que se converteram têm sido vetados.

O site de hospedagem de vídeos Vimeo foi criticado por permitir que a pornografia e visões extremas de muçulmanos jihadistas sejam transmitidas em seu site, enquanto proíbe o testemunho cristão de ex-homossexuais. "Se Jesus mudou sua vida e o libertou da prática homossexual, seu testemunho não é bem-vindo na Vimeo. Nem agora, nem nunca", escreveu o Dr. Michael Brown para o site Christian Today.

O Dr. David Kyle Foster, diretor da Pure Passion Ministries e ex-homossexual, se pronunciou: "Isto é puro fanatismo religioso e censura". Em dezembro passado, a Vimeo entrou em contato com Foster para informá-lo de que alguns dos vídeos da Pure Passion haviam sido marcados negativamente por um moderador, pois a "Vimeo não permite vídeos que assediem, incitem ao ódio ou representem violência excessiva".

Eles instruiu-o a "remover todos os vídeos deste tipo" de sua conta. Ele tinha 850 vídeos na Vimeo e foi informado que sua conta seria revisada em 48 horas. Se ele não removesse os vídeos supostamente ofensivos, "seus vídeos e sua conta poderão ser removidos por um moderador da Vimeo", dizia o comunicado.

Outros casos
Em 2015, a Vimeo não publicou um anúncio da "Conferência da Esperança", com palestrantes como Janet Mefferd e Joe Dallas, ambos respeitados líderes cristãos. Joe é conhecido por seu testemunho como ex-homossexual.

Em seguida, houve uma troca com vários membros da equipe Vimeo, que insistiram que sugerir que Deus poderia desempenhar um papel na reorientação em uma pessoa homossexual é uma prática abusiva e inaceitável para seu site.

"A Vimeo está proibindo você de concordar com a Bíblia quando se trata de pecado humano e quebrantamento.A Vimeo está proibindo você de pregar o Evangelho da transformação quando se trata de homossexualidade.A Vimeo está se engajando de forma agressiva a censura anti-cristã", escreveu Brown.

"Foster entrou em contato comigo em particular, alertando que a Vimeo permite vídeos de terroristas e de conteúdo pornográfico”, acrescentou. "Coloque 'jihad' em sua barra de busca e você terá no mínimo 2.233 seleções”, finalizou com o alerta.

Guiame

Pastor Morto dentro de Igreja no RJ é Acusado de Estuprar Garoto de 2 anos - Pai teria se Vingado

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.
Pai de criança, que teria sido abusada por pastor, saiu da prisão e teria matado Custódio Gonçalves. Em depoimento, suspeito alegou que traficantes da região teriam cometido crime.

O asassinato do pastor evangélico Custódio Gonçalves em Itaboraí, Região Metropolitana do Rio, pode estar ligado a um crime de abuso sexual contra uma criança de 2 anos. O homem de 57 anos foi morto a tiros no início da noite de domingo (26) dentro da igreja evangélica Assembleia de Deus Ministério Apascentando Ovelhas, durante um culto.

A Polícia Civil informou que o pastor é suspeito de ter abusado sexualmente do seu sobrinho, de 2 anos. O delegado da Divisão de Homicídios, Fábio Barucke, afirmou que o pai da criança abusada é o principal suspeito de ter matado o pastor.

“O fato gira em torno deste abuso sexual que essa criança teria sofrido. Foi constatado sangue no reto da criança, a criança teria dito que estava sob a custódia do pastor e, logo depois desse fato, a criança foi entregue para o pai. O pai está prestando depoimento na delegacia. A princípio ele nega [a autoria do crime contra o pastor], mas temos relatos que ele ficou revoltado com a situação do pastor que estava com a custódia do filho dele”, afirmou o delegado.

“Outros relatos dizem que o pai é regresso do sistema penitenciário. Ele estava preso sob a suspeita de ter matado sua ex mulher, estava preso por sete meses. Durante esse tempo, o filho ficou sob a custódia do pastor e agora na saída do presídio ele se depara com essa situação do filho sendo abusado. Com a morte do pastor ele se torna o principal suspeito”, completou Barucke.
Durante depoimento na delegacia, pai da criança abusada alegou que traficantes da região seriam os autores da morte do pastor.

Manifestações na internet
O crime ocorreu por volta das 20h30 e, quando a polícia chegou ao local, a vítima, identificada como Custódio Gonçalves, de 57 anos, já estava sem vida. Amigos da vítima disseram que Custódio também trabalhava na Guarda Municipal de Itaboraí.

Nas redes sociais, muitas pessoas comentaram o crime e postaram mensagens de homenagem ao pastor e de apoio à família. “Que o senhor receba o nosso irmão em seu reino e lhe dê paz e o merecido descanso”, diz uma das postagens.

Assista:



ConscienciacristãNews

O cristão pode possuir e portar arma de fogo?



O porte de armas de fogo é um assunto polêmico e divisor da cristandade, e não pretendemos escrever um texto sobre direito. O que vamos elucidar neste texto são alguns fundamentos bíblicos e algumas ideias que ajudam a responder à pergunta: O cristão pode possuir armas de fogo?

Em primeiro lugar, precisamos entender passagens bíblicas que abordam diretamente sobre o assunto. Passagens que deixam claro a idéia de que um filho de Deus tem direito de proteger sua vida e a sua família; Em segundo lugar, sim a arma de fogo é um instrumento que dever ser usado como última linha de defesa. Se um ladrão invadir sua casa a bíblia nos ensina que proteger sua família e a si mesmo é defesa, e, portanto o uso de arma ferir o invasor e este morrer, você não será culpado pelo sangue. Pessoas matam pessoas, armas são ferramentas assim como facas e todos os objetos que perfuram.

Mas existe um argumento “bíblico” que sempre é usado para negar a defesa da vida. Mateus 5.39, Jesus disse que não devemos resistir aos perversos e se este bater (Rhapizo = insulto) na sua face direita ofereça a outra face. Mas isso pode realmente ser interpretado para negar a defesa da vida? Não creio! Neste texto está claro que Jesus não usa esse argumento como critério absoluto em todos os casos, e, bater na face significa tapa no rosto com o dorso da mão. Tapa no rosto não vai ferir de morte alguém, mas vai insultar. Matar por causa de um insulto é força excessiva e também um ato banal e por conseqüência a quebra do sexto mandamento.

Segundo o Dr. Wayne Grudem, este argumento não pode ser válido nem para governos e nem para defesa da vida, caso contrário teríamos que validar como critério absoluto Mateus 5.42 que diz: “Dá a quem te pedir e não voltes as costas a quem te pedir emprestado”. Grudem continua: “Se este verso fosse um requisito absoluto, qualquer mendigo seria capaz de levar um cristão à falência ao que lhe pedir mais”.

Mas então, o que de fato diz o texto? O texto de Mateus 5 é o Sermão do Monte e especificamente Cristo está ensinando sobre ser paciente diante de uma injustiça, insulto. Cabe ao filho de Deus (vítima) não se vingar do insulto. A vingança pertence a Deus e ao Estado que é seu braço.

O reformador João Calvino foi lúcido quando interpretou este verso, ele disse: “Quando a injustiça lhes é feita (aqui ele fala dos crentes), ele (agora fala de Cristo) deseja que eles sejam treinados por esse exemplo à mansa submissão, para que pelo sofrimento eles possam aprender a ser pacientes” (John Calvin, “Harmony of Matthew, Mark and Luke” Calvin’s Commentaries. Baker. p. 299).

Observe, dar a outra face é anular o sentimento de vingança, conter o revide. Mas o que não podemos é cair em paradoxos: O mesmo Jesus que ensinou o exercício da paciência é o mesmo Jesus que tirou a cinta e golpeou os comerciantes frente ao templo. Portanto, existem situações em que a defesa é bíblica e justa! O que temos que compreender é a diferença entre vingança e autodefesa!

Defender a vida, a família, a nação e os inocentes!

Autodefesa implica defender sua vida, sua família, sua propriedade e sua nação. Isso significa que no âmbito civil você tem o direito de possuir armas como instrumentos de defesa e não para conclusão de vingança. Ter arma é um direito que preserva a liberdade. Concordo com o Dr. Wayne Grudem quando ele afirma: “Uma perda gradativa da liberdade humana é uma perda gradativa de nossa vida”.

Mas o cristão não é um pacificador? Sim, o cristão é um pacificador, mas não é um pacifista que acredita que se defender com uma arma é errado. Ele deve fazer tudo para promover a paz e evitar os caminhos da utilização de armas e das guerras. Mas sua última linha de defesa para preservar sua família e sua propriedade e manutenção desta paz para nação (ou até mesmo da própria nação que pode se tornar tirânica) são as armas e as guerras.

Não podemos ser ingênuos a ponto de crer que no mundo só existem pessoas boas, bem intencionadas e que vivemos na “era de aquários” paz e amor e flores ao som de “Imagine” de John Lennon. Não é esta a nossa realidade, principalmente com a crescente violência nas ruas e com a ascensão do islã e das ideologias socialistas mundo a fora.

E a quebra do sexto Mandamento?

Se a Bíblia diz no sexto mandamento que não podemos matar, então o cristão não pode possuir armas de fogo? Não tem nada a ver uma coisa com outra. O Sexto Mandamento diz respeito a crime premeditado, com a intenção de matar, planejar, arquitetar. É fazer de forma engenhosa um plano para tirar a vida do outro.

A quebra do sexto mandamento também se aplica em casos de morte por banalidade, vingança, insulto. Vamos deixar claro isto! Moisés que recebeu os Dez Mandamentos no Sinai teria depois entrado em contradição? Não! Moisés deixou claro que a legítima defesa é Bíblica e necessária, veja: “Se o ladrão for achado roubando, e for ferido, e morrer, o que o feriu não será culpado do sangue”; Êxodo 22,2.

É a premeditação, a intenção do coração que vai definir a quebra do sexto mandamento, como bem disse Jesus: “Vocês ouviram o que foi dito aos seus antepassados: ‘Não matarás’, e ‘quem matar estará sujeito a julgamento’. Mas eu lhes digo que qualquer que se irar contra seu irmão estará sujeito a julgamento” (Mateus 5: 22).

Concordo com o Pr. Philip Graham Ryken quando diz: “O sexto mandamento proíbe é tirar a vida de forma injusta e banal”. Sim, aplica-se ao assassino a sangue frio, homicídio com raiva passional e homicídio culposo resultante de imprudência ou negligência. Por isso o mandamento teria uma melhor tradução se fosse: ‘Não matarás ilegalmente’. Claro que a versão tradutória de Êxodo 20.13 é ‘Loratzach’ que é ‘Não mate’! O mais próximo da tradução que elucidaria com clareza, seria: Não assassinarás. Tirada premeditada da vida imaculada – ou de um inimigo pessoal.

A legítima defesa tem um objetivo, a preservação da vida humana. Na última linha da defesa às vezes será necessário tirar a vida para salvar outra. Por isso, muitas vezes Deus ordenou que homens lutassem para proteger o povo ou livrar os seus inocentes dos inimigos. Dr. Norman Geisler no seu maravilhoso livro sobre Ética Cristã, esclarece bem este ponto. Ele escreve:

“A espada que foi dada a Noé foi usada por Abraão, quando ele engajou em uma guerra contra os reis que haviam cometido uma agressão contra seu sobrinho Ló’ (GN 14). Essa passagem indica a aprovação de Deus para realização de guerras, cuja finalidade era proteger o inocente de seus agressores’’.

Portanto, a quebra do sexto mandamento se aplica na banalidade, na intenção, na premeditação, jamais na defesa pessoal da família, defesa da propriedade – ou em defesa de inocentes – ou mesmo da nação.

E a posição do Novo Testamento em relação às armas?

Não existem muitas informações do mestre Jesus, mas há boas pistas! Vamos analisar alguns textos. Nosso primeiro texto no Novo Testamento é João 18.

“Então Simão Pedro, que tinha espada, desembainhou-a, e feriu o servo do sumo sacerdote, cortando-lhe a orelha direita. E o nome do servo era Malco.
Mas Jesus disse a Pedro: Põe a tua espada na bainha; não beberei eu o cálice que o Pai me deu?” (João 18: 10,11).

Há algumas questões nestes versos que precisamos esclarecer:

Em primeiro lugar, Pedro andava armado, e sinceramente, não acho que Cristo não tenha percebido, já que a bainha ficava praticamente entre a cintura e o peitoral. Em segundo lugar, Pedro feriu de forma banal o servo do Sumo Sacerdote, já que Cristo estava sendo preso e não atacado. Em terceiro lugar, o Apóstolo Pedro andava armado, e o Senhor Jesus nunca pediu que ele jogasse a espada fora, quando Pedro atacou Malco, Jesus pediu que Pedro guardasse a espada. Em quarto lugar, Pedro cometeu um pecado tentando impedir o que Deus planejou para seu filho, a morte do cordeiro que aplacaria a ira divina contra os eleitos.

Portanto, se Jesus fosse um pacifista (diferente de ser pacificador) ele teria proibido o uso de armas desde o início da caminhada com os discípulos. Mas, mesmo Pedro ferindo um oponente, Jesus não pediu que ele jogasse fora a espada. É uma pista clara que o uso de espadas era comum entre os discípulos.

Nosso segundo texto vai nos fornecer mais pistas:

“Disse-lhes pois: Mas agora, aquele que tiver bolsa, tome-a, como também o alforje; e, o que não tem espada, venda a sua capa e compre-a” (Lucas 22:36-38).

Este texto de Lucas tem duas interpretações:

Interpretação número 1: O texto pode ser uma analogia feita por Jesus para ensinar que os discípulos não teriam vida fácil depois de sua morte. O termo espada não é literal. E por isso no verso 38, Jesus ficou irritado por suas palavras não compreendidas e disse: Basta!

Interpretação número 2: O texto de Lucas 22.36-38 revela os instantes finais da jornada do Cristo com seus discípulos, nestes instantes finais Jesus está prestes a ser preso e por isso ele está preocupado não com ele, mas com os discípulos que não teriam vida fácil, seriam perseguidos de morte e, portanto, ele recomenda que compre espadas. Quando os discípulos mostraram as espadas, Jesus disse: Basta, no sentido de suficiência!

Eu creio que a interpretação de número 1 não se sustenta. É pouco provável! Em primeiro lugar, é fato que alguns dos discípulos andavam armados (Pedro sustenta essa tese) e este fato fortalece a ideia do texto de que Jesus estava realmente recomendando a compra de espadas para os outros que não usavam.

Em segundo Lugar, Jesus não recomendaria a venda da capa para compra de duas espadas se não fosse literalmente. O substantivo espada não é regido pelo verbo ter. Ele fica isolado na frase, O significado é: Aquele que não tem uma bolsa ou documento (e está, portanto, sem dinheiro) que venda a sua veste e compre uma espada.

Em terceiro lugar, a tensão do texto revela os instantes finais e os perigos que cercam os discípulos. A tensão exige autodefesa para os discípulos. A ideia de que Jesus recomenda a proteção aos seus é gritante neste texto.

Em quarto lugar, O termo “basta” no verso 38 tem algumas interpretações forçadas sobre este termo para sustentar a idéia de que Jesus disse aos discípulos, alguma coisa como: “Vocês não me entenderam, basta!” Esse é um argumento que não se sustenta, pois a palavra grega para basta é “ikanón”, que significa literalmente “é o bastante”, e se refere à quantia de dinheiro que tinha que ser paga para alguém que fosse solto da prisão – ou pagar uma quantidade de dinheiro exigida.

Está claro que Jesus está afirmando que a quantia paga pelas duas espadas era suficiente: Não precisa gastar mais dinheiro, pelo preço que foi pago as duas espadas já é suficiente.

O Cristão pode possuir e portar armas de fogo?

Antes de responder esta pergunta é necessário esclarecer que minha posição defende a ideia de que a arma seja obtida pelo rigor da lei. Mas neste país o governo não respeita a lei e muito menos a vontade do povo. Em 2005 foi realizado um referendo que pedia a posição do povo brasileiro sobre o tema comércio de armas. A pergunta era muito simples: “O comércio de armas de fogo e munição deve ser proibido no Brasil?” Os eleitores puderam optar pela resposta “sim” ou “não”, pelo voto em branco ou pelo voto nulo. O resultado final foi de 59.109.265 votos rejeitando a proposta (63,94%), enquanto 33.333.045 votaram pelo “sim” (36,06%). Foi uma vitória esmagadora do povo, que por sinal deseja seu direito de portar e possuir armas, respeitado.

A resposta da pergunta inicial é muito simples: Com ficha limpa e seguindo todos os critérios estabelecidos por nossa Constituição Federal, sim, o cristão pode e tem todo o direito de promover sua segurança pessoal, da sua família e da sua propriedade usando como última linha de defesa arma de fogo. O Estado não tem competência para garantir segurança de cada cidadão deste país, o Estado não é onipresente, não consegue lidar com a violência neste país. O livro “mentiram para mim sobre o desarmamento”’ do Flávio Quintela e Bene Barbosa apresenta um quadro real do fracasso do Estatuto do desarmamento, veja:

Número Total de Homicídios no Brasil


2003   51.043 (Gestão) presidente Lula
2004  48.374 (Estatuto entra em vigor)
2005  47.578 (Referendo de 2005)
2006  49.145
2007  47.707
2008  50.113
2009 51.424 
2010 52.257
2011  52.197
2012  56.337

O quadro revela que o estatuto entrou em vigor em 2004, que inicialmente diminuiu pouco a violência. Mas fracassou com o passar dos anos. Portanto, desarmar a população de bem não resolveu o problema, pelo contrário, aumentou a violência! Estima-se que em 2016 os índices de violência podem ter chegado a mais de 60 mil homicídios. E Bene Barbosa conclui:

“Na verdade esta é uma tarefa impossível, pois o estatuto não mudou o perfil criminal do Brasil, e não gerou resultados positivos nos índices de crimes violentos. Mas com certeza gerou incômodos a muitos cidadãos de bem que possuíam uma arma em casa”.

O Estatuto do Desarmamento não somente deixou o cidadão de bem inseguro, como ajudou aumentar a violência no país. O Bene Barbosa que tem lutado pelo fim deste estatuto é inclusive Presidente do Conselho de Administração na empresa Movimento Viva Brasil, uma empresa que luta pelo brasileiro de bem ter seu direito respeitado. Claro, o cidadão também tem sua escolha de não querer e inclusive discordar. Mas não pode contribuir com o governo para negar o direito do outro que deseja ter seu porte e posse de arma.

E os pastores? Estes devem respeitar a Constituição Federal, mas antes de tudo devem obedecer à lei de Deus: “Porém, respondendo Pedro e os apóstolos, disseram: Mais importa obedecer a Deus do que aos homens” (Atos 5.29).

Não podemos desejar nossa segurança e restringir para o próximo, pois isso é hipocrisia! Amar o próximo como a si mesmo é também desejar que ele não seja atingido por essa violência descontrolada. O especialista em violência e escritor Norte americano John Lott Jr., no seu livro “Preconceito Contras as Armas”, nos aconselha sobre a questão: “Ao desarmar os cidadãos obedientes à lei, os controles sobre armas têm colocado o povo em perigo”.

Uma das “grandes vozes” do mundo evangélico se chama Pr. Silas Malafaia. Silas se posicionou de forma contraditória sobre o tema Estatuto do Desarmamento. Silas é contra o cidadão de bem, ficha limpa ter seu direito respeitado pela decisão do referendo de 2005. Mas o mesmo pastor defende (inclusive usando a Bíblia e a história de Neemias e seus seguranças) a ideia de ter seguranças armados o protegendo. E ainda manda um recado para quem quiser tentar contra vida dele. Veja o primeiro vídeo:
Agora vem a contradição! Ele é contra ao cidadão ter o direito de ter uma arma segundo as leis do país e ainda se revela ignorante a respeito da PL 3722/12. A PL 3722/12 é um Projeto de Lei que tem como objetivo estabelecer uma nova regulamentação para a aquisição, a posse, a circulação e o porte de armas no Brasil. Silas deseja segurança para ele e tem muitos recursos para isso. Mas nem todo cidadão tem o poder financeiro e o prestigio do Silas Malafaia. Veja a contradição:


A quem interessa o desarmamento?

Em primeiro lugar, o estatuto interessa ao Estado. O Estado não confia no seu povo e tem cada pessoa potencialmente como um futuro criminoso. O Estado quer agigantar-se e controlar seu povo. Concordo com Benjamin Franklin quando disse: “Quando todas as armas forem de propriedade do governo, este decidirá de que são as outras propriedades”.

Em segundo lugar, interessa aos partidos políticos de ideologia socialista. Estes gostam de desarmar o povo! Hitler, Mao, Fidel, Lênin e Stalin, Mussolini, todos estes ditadores socialistas desarmaram a população e estabeleceram regimes totalitários! E com o povo desarmado o resultado sempre é genocídio, holocausto, barbárie!

Greg Foste professor americano que é especialista em história da teoria dos governos, afirma: “Governos tiranos não são, na verdade, governos verdadeiros, mas gangues criminosas que se fazem passar por governos e, portanto, não tem o direito à obediência”.

Pense comigo: Na sua última linha de defesa, como a população enfrentaria um governo tirano e genocida? Com vassouras? Cantando em coral a musica Imagine de John Lennon e pedindo paz e amor?

Sim, o cristão defende a liberdade do cidadão. Um dos motivos do cristianismo ser tão odiado é sua defesa a liberdade, insistir durante séculos nos direitos universais do ser humano – tanto de cristãos como de todos. A liberdade de pensamento e o espaço de cada um deve ser respeitado, e cabe à Igreja o papel de influenciar a sociedade com o evangelho e também de conscientizar a população sobre seus direitos.

Por Heuring Felix Motta
Redação Consciência Cristã News

O Que faria Jesus nos dias de hoje?


Com esta pergunta começamos fazer uma reflexão dos dias de hoje como estamos vivendo e agindo a luz da Bíblia Sagrada.


Voltemos a dois mil anos e vejamos a igreja de Cristo como servia, como adorava, como ajudavam uns aos outros, observe: E Perseveravam na doutrinas dos apóstolos, e na comunhão, e no partir do pão, e nas orações. 



E em toda alma havia temor, e muitas maravilhas e sinais se faziam pelos apóstolos, e todos que criam estavam juntos, e tinha tudo em comum, e vendiam suas propriedades e bens, e repartiam com todos, segundo cada um havia de mister.Atos 2:42-45.

Assim a igreja de Cristo começou a caminhar dando seus primeiros passos aqui na terra, estes versículos acima já dizem tudo, não havendo nenhuma necessidade de explicação. E hoje como vivemos? Vivemos como deveria viver segundo a Bíblia? Fazemos o que diz a palavra de Deus? Em nosso meio há necessitados? Em nosso meio há o repartir do pão? Crescemos como no principio?

Não precisamos responder nenhuma destas perguntas, pois o fato por si mesmo responde. O que faria Jesus nos dias de hoje? Com certeza reprovaria todas as comunidades que primeiro pensam em si, e pregam o evangelho da prosperidade do dinheiro da barganha. 

Observem amados, na Palavra de Deus em nenhuma parte, Jesus promete riquezas, vida fácil, prosperidade, mas ao contrario, vemos Jesus pregando vida eterna, tesouros nos céus e aflições. O que faria Jesus, ao visitar uma destas igrejas e ver em suas contas milhares de reais, prata, ouro e, em seus meios, membros passando fome, necessidades? 

O que faria Jesus, ao ver, pastores, lideres cobrando cachês para fazer uso da palavra de Deus, onde a própria palavra diz: daí de graça o que recebeste de graça? O que faria Jesus, ao ver homens levitas cobrando cachês altíssimo para fazer os seus shows em vez de louvar a Deus? 

O que faria Jesus, ao ver igrejas fazendo aliança com o mundo, onde tudo pode se fazer, onde não há doutrinas, onde seus cultos são práticas pagãs e rituais, usando versículos isolados para justificarem suas práticas? Hoje o nosso Mestre seria morto, não pelos os Judeus, nem pelos Romanos, mas por estes que se diz discípulos, e pregam sua palavra enganando as suas ovelhas, usando a fé para justificarem os seus erros. 

Quanto custa uma alma? Diz a palavra de Deus que não tem valor, nem toda prata e nem todo ouro pagaria uma alma arrependida ao Senhor. A dois mil anos disse Pedro: Não tenho prata nem ouro; mas o que tenho isto eu te dou. Em nome de Jesus Cristo, o Nazareno, levanta-te e anda. Atos 3:6.

Hoje, está invertida a situação, dir-se-ia: Eu tenho prata e ouro, mas não posso te dar, pois é da casa do Senhor. Nem poderia dizer: levanta-te e anda, pois não tem autoridade para faze-lo.

O próprio Jesus nos alertou das falsas doutrinas, dos falsos pastores, que vem com pele de ovelhas, mas por dentro são lobos devoradores. Nós louvamos a Deus pela a sua infinita misericórdia que hoje, Jesus encontra-se como advogado e intercede por nós, mas virá um dia, que todos compareceram junto ao tribunal de Deus e Jesus não intercederá mais. Mas julgará a todos sem distinção de raça de credo, segundo o que praticarem e estes lobos serão tirados arrancados como o joio do nosso meio para sempre.

Oramos a Deus que a igreja de Cristo continue crescendo em graça e em ações como convém aos Santos. Amém

Pb Josiel Dias
 

Estado Islâmico sequestra 197 crianças para usar como 'escudos humanos', no Iraque


O uso de crianças e adultos civis como escudos humanos tem se tornado uma prática comum do Estado Islâmico em seus combates. (Foto: Islam Media Analysis)


O rapto das crianças foi confirmado pelo Observatório Iraquiano para os Direitos Humanos e um jornal local informou que o Estado Islâmico pode usá-las como 'escudos humanos'.

O grupo terrorista Estado islâmico sequestrou quase 200 crianças e, segundo notícias, planeja usá-las como escudos humanos em sua batalha contra as forças da coalizão lideradas pelo Iraque em Mossul.

De acordo com a organização de vigilância 'Observatório Iraquiano para os Direitos Humanos' (IOHR), O Estado Islâmico (também conhecido como ISIS, ISIL ou Daesh) capturou recentemente 197 crianças no oeste de Mossul.

A organização humanitária publicou por meio de seu perfil oficial do Twitter no último sábado (25), um alerta sobre o rapto das crianças, afirmando que elas foram levadas para perto da grande mesquita de al-Nouri, no oeste de Mossul.

De acordo com o site 'BasNews.com' - que tem sua base principal em Erbil - uma fonte disse que os terroristas pretendem usar as crianças sequestradas como escudos humanos para impedir o avanço das tropas da coalizão formada pelo exército iraquiano e de outras nações.
Além do genocídio contra os cristãos e outras minorias religiosas - já reconhecido por autoridades de diversas outras nações ocidentais - a prática de usar civis como escudos humanos tem sido frequentemente usada pelo Estado Islâmico com objetivo de atrasar o avanço dos militares.

Vítimas da guerra
A notícia surgiu quando as forças da coalizão ainda permanecem em uma ofensiva lançada ao final do ano passado para expulsar o Estado Islâmico da cidade iraquiana de Mossul - atualmente uma das principais bases do grupo terrorista. Enquanto a coalizão liberou boa parte do leste de Mossul e áreas circundantes, uma campanha foi lançada em fevereiro para derrotar os militantes que estão na chamada 'cidade velha' de Mossul e em distritos do oeste.

Mas como o número de civis que foram mortos durante a ofensiva de Mosul continua a subir, foi anunciado no último sábado que as forças de segurança iraquianas suspenderam temporariamente as operações para poupar as vidas de civis.

Quase 4.000 civis foram mortos em áreas densamente povoadas, desde o início da campanha para libertar o oeste de Mossul.

O general Thaer al-Mosawi, da brigada iraquiana, disse à agência turca 'Anadolu' na semana passada, que cerca de 3.846 de civis morreram, desde que a batalha no oeste de Mosul começou, em meados de fevereiro. O Observatório Iraquiano para os Direitos Humanos citou o mesmo número em um gráfico postado no Twitter.

"Aqueles que fugiram das áreas de combate estão relatando que há muitos civis entre as vítimas", explicou al-Mosawi.

Além disso, al-Mosawi disse que mais de 22.000 moradores de Mosul foram feridos no conflito, enquanto mais de 10.000 tiveram suas casas foram destruídas.

Foi relatado durante o fim de semana que um ataque aéreo liderado pelos Estados Unidos contra um caminhão do Estado Islâmico, cheio de explosivos, causou a morte de dezenas de civis em Mossul, no dia 17 de março.

Os militares norte-americanos reconheceram no sábado que realizaram o ataque aéreo registrado em 17 de março, em al-Jadida, subúrbio de Mossul.

Embora os relatórios sugiram que o ataque aéreo liderado pelos EUA poderia ter matado até 200 pessoas, o coronel Muntathar Al-Shamari, chefe da Unidade Anti-Terrorismo do Iraque em Mossul, disse à CNN que tal estimativa seja provavelmente um exagero.

"Quando o veículo foi atingido, ele explodiu, destruindo uma ou duas casas ao lado de onde as famílias estavam se escondendo", disse Shamari.

Independentemente disso, os EUA estão investigando os relatórios, já que o número de mortos resultantes do ataque ainda precisa ser confirmado.

Guiame

Há uma grande diferença entre Alá e Jesus, diz extremista islâmico após conversão


Bashir Mohammad defendia a milícia islâmica Frente Al-Nusra, na Síria. (Foto: Patrick Kingsley/The New York Times)


Bashir Mohammad defendia a milícia islâmica Frente Al-Nusra, na Síria. Hoje, ele se define como um "jihadista que se voltou para Jesus".

Há menos de quatro anos, Bashir Mohammad, de 25 anos, defendia a milícia islâmica Frente Al-Nusra na guerra civil da Síria. Hoje, ele se define como um "jihadista que se voltou para Jesus".

Mohammad cresceu em uma família muçulmana na região curda de Afrin, no norte da Síria. Na adolescência, ele foi encorajado por seu primo a se aprofundar um pouco mais nas mensagens proferidas por pregadores jihadistas e passou a seguir as interpretações radicais do Islã.

Mais tarde, ele se juntou às forças curdas que atuavam na guerra civil da Síria e ficou impressionado com as mortes que testemunhou. "Quando vi todos aqueles cadáveres, passei a acreditar em todas as coisas que eles me ensinaram nas palestras. Isso me fez buscar a grandeza da religião”, ele contou ao site The New York Times.

Mohammad foi convidado por um amigo para se juntar a Frente Al-Nusra, grupo extremista ligado à al-Qaeda. No extremismo islâmico, ele testemunhou torturas e viu prisioneiros sendo esmagados por seus colegas com uma escavadeira.

“Eles costumavam nos dizer que essas pessoas eram inimigas de Deus e, então, passei a olhar positivamente sobre essas execuções”, disse Mohammad.

Por um tempo, Mohammad foi doutrinado na filosofia do grupo e presenciou o genocídio em ambos os lados da guerra. “Fui a Nusra em busca do meu deus. Mas depois que vi muçulmanos matarem muçulmanos, percebi que havia algo errado”, confessa.

O primo que incentivou Mohammad a se aprofundar nos ensinamentos jihadistas se tornou um cristão convertido e voltou a influenciar o jovem sírio. Quando a esposa de Mohammad, Hevin Rashid, ficou gravemente doente em 2015, o casal recebeu ajuda de seu primo através de um grupo de oração

Intrigado, Mohammad procurou um missionário evangélico chamado Eimad Brim, que o evangelizou e acompanhou seu processo de conversão. Ele e sua esposa se sentiram amados dentro da igreja e tiveram experiências profundas com Deus.

Sua saída do grupo jihadista tornou Mohammad um novo inimigo dos ex-colegas fundamentalistas. Ele teme não estar seguro, mas deposita sua confiança em Deus. "Há uma grande diferença entre o deus que eu costumava adorar e Aquele a quem eu adoro agora", disse Mohammad. "Antes eu adorava com medo. Agora tudo mudou”.

Guiame

Ronaldo Ésper conta como Deus o livrou do suicídio: "Meu passado foi perdoado"

Ronaldo Ésper falou mais sobre como a Bíblia o ajudou a abandonar a homossexualidade e disse que o acolhimento de sua igreja foi essencial para livrá-lo do suicídio. Assista ao vídeo, clicando abaixo.
  •  
  • google plus
  •  
  • pinterest
  • No último domingo (26), foi ao ar pela Rede TV! uma entrevista com o estilista Ronaldo Ésper, que acabou gerando muita expectativa, após ser anunciada aqui no Guiame e em diversos outros veículos de comunicação.
    O estilista, que agora é evangélico, disse em uma entrevista à apresentadora Daniela Albuquerque que decidiu mudar o rumo de sua vida, após uma grande crise pessoal. A fé e o abandono da homossexualidade estão fazendo parte dessa nova fase de sua vida.
    "Depois de um período de grande crise, eu parti para outra direção na minha vida. Hoje em dia, eu não sou mais homossexual. Não sou mais, por força da minha vontade, porque ninguém se cura disso", afirmou.
    "Pelo o que estou seguindo de fé e a palavra que eu tenho ouvido, isso [homossexualidade] pode ser um monte de coisa... até um encosto, uma maldição, tudo isso", acrescentou.
    O estilista também apontou a homossexualidade como uma parte de sua vida que o leva a pedir perdão.

    "Eu quero pedir perdão pelo meu passado. Vai ser um negócio difícil... vc vai ver... vai criar uma polêmica, porque eu acho que é uma infelicidade. Eu não queria ter um filho homossexual", afirmou.
    Quando questionado se ele sofreu preconceito, Ronaldo foi enfático em dizer que nunca foi alvo de discriminação por ser homossexual.

    "Eu nunca sofri nada [de preconceito]. Mas eu vejo, agora na minha idade, o que eu sou? Um homem solitário e mais nada", confessou.
    Quando questionado se virou evangélico, Ronaldo Ésper afirmou que está de fato frequentando a Igreja Universal e explicou que sua fé vai além da religião.
    "Não é religião, é uma fé e a nossa fé é o que está escrito na Bíblia. Ali está o certo e o errado", destacou.

    "Estou muito feliz de estar lá. Há alguns anos eu estava à beira do suicídio, se não tivesse sido acolhido da forma que fui, teria me matado", acrescentou.
    Finalizando a questão de sua transformação de vida, Ésper sintetizou o que gostaria de deixar claro.
    "Eu só gostaria de esclarecer isso: continuo muito feliz agora, me encontrei, o meu passado foi perdoado. Deus perdoa sempre, mas [o meu passado] não serve de exemplo pra ninguém", disse.

    Guiame

    500 Anos


    Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

    Tags

    (783) Cristãos Perseguidos (549) Cristãos (519) Bíblia (493) Intolerância Religiosa (365) Israel (346) Evangélicos (303) igreja (264) Reflexão (247) apocalipse (194) oração (190) Homosexualismo (177) catolicismo (153) Rede Record (148) homofobia (147) Irã (141) escatologia (132) Missões (131) Evento Gospel (128) Silas Malafaia (126) pecado (123) islan (114) Política (113) judeus (112) ateus (109) Aborto (106) Religião (105) Milagres (103) Natal (102) Criança (92) Ahmadinejad (91) esporte (91) Testemunho (86) globo (77) guerra (73) Perdão (72) Salvação (72) Morte (64) pastores (64) Aline Barros (59) Religiosidade (56) Yousef Nadarkhani (56) PL122 (55) Amor (54) adoração (48) heresia (47) Drogas (42) Prosperidade (42) festival promessas (41) Judaísmo (39) Thalles Roberto (39) campina grande (39) Apostasia (38) carnaval (36) Idolatria (35) mulçumanos (34) Estados Unidos (33) Família (33) Maconha (31) adoradores (29) Shows (28) Catástrofes (26) Hipocrisia (26) Páscoa (22) esperança (22) Mentira (20) Confiança (19) Alegria (18) Nasa (18) Pornografia (18) Oriente Médio (17) Suicídio (17) DIP (16) Paz (16) Rei David (16) adversidade (16) consciência cristã (16) BAND (15) Conforto (15) Pena de Morte (15) Promessa (15) Sofrimento (14) BBB (12) Graça (12) Tatuagem (12) benção (12) dia das mães (12) obediência (12) impureza (11) Ansiedade (10) Justin Bieber (10) Rio +20 (10) livro (10) masturbação (10) Catástrofe (9) Desobediência (9) Filho pródigo (9) Perlla (9) livre arbítrio (9) Jotta A (8) Pedro Leonardo (8) Whitiney Houston (8) filho de crente (8) sony music (8) Darwin (7) Eutanásia (7) Hackers (7) Perigo (7) Senadores (7) União (7) presença de Deus (7) Perfeição (6) cura pela palavra (6) Purgatório (5) alienígenas (5) lei da palmada (5) Aline Barros mostra sua filha (4) Cegueira Espiritual (4) Kaka (4) escolhas (4) texto e contexto (4) torá (4) vasco (4) vigilância (4) Gratidão (3) Ressentimento (3) Segurança (3) Semeadura (3) Sodomia (3) o Caminho (3) servos (3) Cristo Redentor 80º aniversário (2) Guinnes Wolrd Records (2) Harold Camping (2) Impossiveis (2) Pressa (2) Sonho de infância (2) mundial da juventude (2) Flórida (1) Galardão (1) Michel Teló (1) Redenção (1) impios (1) recall (1) vingadores (1)

    Uma Reflexão sobre a Crise no Brasil