Dia do Evangélico é comemorado em todo Brasil, mas só em Brasília é feriado

No Twitter diversas pessoas reclamaram da lei federal que estabelece o último dia de
novembro como Dia do Evangélico
No dia 30 de novembro é comemorado o Dia Nacional do Evangélico, o decreto de Lei Nº 12.328 foi sancionado no ano de 2010 pelo presidente Lula, mas não institui um feriado nem ponto facultativo no Brasil.

A data já faz parte do calendário oficial de Brasília sendo que lá no Distrito Federal é feriado local, por isso vários órgãos deixam de prestar serviço, segundo informa alguns veículos noticiosos.

A instituição da data levanta polêmicas, de um lado pessoas que não aceitam que os evangélicos precisam de um dia no calendário oficial, já que outras religiões não possuem uma data para serem lembradas. De outro lado líderes cristãos que desejavam que o dia 30 se tornasse feriado nacional.

O tema Dia do Evangélico foi um dos mais comentados no Twitter, entre chacotas e discussões muitas pessoas se manifestaram a respeito do que significa a data. “Dia do Evangélico? Não deveríamos ter dia nenhum. Todos os nossos dias devem ser do Senhor Jesus Cristo! A Ele toda a honra e toda a glória!”, escreveu Ciro Sanches Zibordi.

“Dia do Evangélico é a coisa mais tosca que já vi. Vamos viver o evangelho”, escreveu Tiago Matso, que atualiza o perfil Profetirando.

Tatiana Marinho do blog Crente Sem Glamour também resolveu escrever sua opinião sobre a data comemorativa: “A marca do cristão é o amor. A marca do evangélico é a vitória! Qual dos dois você tem? #DiadoEvangélico”.

Gospel Prime

Estudantes muçulmanos se unem a cristãos para boicotar palestras sobre evolução na Inglaterra

Alegação para o boicote é que a teoria de Darwin conflita com suas crenças religiosas
Um número crescente de estudantes muçulmanos está boicotando palestras sobre as teorias de Charles Darwin. A justificativa é que o conteúdo apresentado pelos professores “se choca com o Alcorão”.
 
Professores da Universidade London College expressaram sua preocupação com o grande número de alunos dos cursos de biologia e medicina que não foram assistir às aulas sobre a teoria da evolução, alegando motivos religiosos. Para os professores, eles estão perdendo uma parte importante do currículo.
 
Steve Jones, professor emérito de genética humana da Universidade, tem questionado por que esses alunos continuam querendo estudar biologia se é óbvio que mais cedo ou mais tarde entrarão em conflito com suas crenças.
Em uma entrevista recente, ele explicou: “Até uns dois anos atrás, tínhamos discussões na sala de aula com alunos que pertenciam a igrejas cristãs fundamentalistas. Mas agora a grande maioria parece ser seguidor da fé islâmica. Com eles não há chances de discutir”.
 
Os opositores ao darwinismo afirmam que foi Deus quem criou o mundo, a humanidade e tudo o que existe. A universidade diz que os alunos insatisfeitos não assistem às palestras ou eles reclamam disso. Muitos escreveram e-mails para o diretor acadêmico dizendo que não deveriam ser obrigados a aprender essas coisas.
 
O biólogo evolucionista Richard Dawkins, que foi durante muitos anos professor universitário, manifestou a sua preocupação com o boicote. Em algumas de suas palestras esse ano, um grande número de alunos, cristãos fundamentalistas e muçulmanos, simplesmente não compareceram ou saíram no início das palestras.
 
Mesmo parecendo improvável, parece haver um consenso entre cristãos e muçulmanos no tocante a essa teoria que conflita com os ensinamentos dos seus livros sagrados. Depois da posição clara dos islâmicos, muitos cristãos se uniram ao boicote.
 
A questão do conflito entre criacionismo X evolucionismo é tão “espinhosa” no Islã quanto em alguns círculos cristãos. No início deste ano, Usama Hasan, imã de uma mesquita na cidade de Leyton, recebeu ameaças de morte por sugerir que o darwinismo e o Islã podem ser compatíveis.
 
O grupo Muslims4UK atribui, em parte, a crescente popularidade da luta contra o ensino de crenças criacionistas dentro do Islã ao autor turco Harun Yahya. Influenciado pelo sucesso de criacionistas cristãos, ele já escreveu vários livros denunciando a teoria darwinista como demoníaca e que é associada ao nazismo.
 
Traduzido e adaptado por Gospel Prime de Daily Mail
 

Depois de “avivamento”, governo iraniano declara a guerra aos cristãos

Além da prisão de pastores, templos 
são destruídos e Bíblias confiscadas 
As autoridades iranianas confiscam milhares de Bíblias, destruíram igrejas, e fecham sites como parte de uma ofensiva total contra o cristianismo.
Segundo a agência cristã iraniana Mohabat News, um assessor do comitê de assuntos sociais do Parlamento do Irã confirmou que nos últimos meses foram confiscadas mais de 6.500 Bíblias, especialmente nas cidades de Zanjan e Abhar, Estado de Zanjan.

A agência oficial de notícias Mehr, a ação se justifica por que “os missionários cristãos têm feito uma campanha milionária, com publicidade enganosa para que a opinião pública e a juventude (do Irã) se afaste dos ensinamentos do Islã“ .

O aiatolá Hadi Jahangosha também expressou sua preocupação com a ” expansão do cristianismo entre os jovens”, culpando a disponibilidade de literatura, programas cristãos de televisão por satélite e meios eletrônicos. “É responsabilidade de todos os cidadãos do Irã que façam algo sobre isso e cumpram seu papel na difusão do Islã puro, lutando contra as culturas falsas e distorcidas do Ocidente”.

Um representante do governo disse que as Bíblias confiscadas “foram produzidas com uma melhor qualidade de papel, em tamanho de livro de bolso.” E acrescentou que “o importante neste assunto é que a polícia, os juízes e os líderes religiosos devem estar cientes que os cristãos estão se fortalecendo para enfrentar o Islã, caso contrário, qual o sentido de terem produzido este grande número de Bíblias?”

O confisco das Bíblias revela uma crescente pressão sobre as igrejas cristãs, como ocorreu recentemente na cidade de Kerman, onde as autoridades locais destruíram uma das principais igrejas da cidade. Existe a preocupação de que os prédios das igrejas cristãs em outras cidades também possam ser atacados e destruídos em breve.

Os lideres das igrejas cristãs iranianas denunciam que o governo de Mahmoud Ahmadinejad está preocupado pelos relatos que muitos muçulmanos estão se convertendo ao cristianismo nos últimos anos. Estima-se que o país já tem pelo menos 100.000 cristãos, em comparação com aproximadamente 500 cristãos conhecidos em 1979, segundo estimativas dos próprios representantes dos grupos cristãos.

A recente prisão do pastor Yousef Nadarkhani chamou atenção do mundo todo para a falta de liberdade religiosa no Irã e a perseguição aos pastores locais. O caso de Yousef ficou conhecido e, depois de múltiplos apelos, ele foi livre da pena de morte. Contudo, outros líderes têm sido presos e executados sem que o assunto seja muito divulgado para evitar reações internacionais parecidas.

O regime do Irã também iniciou uma ofensiva aos sites em língua persa que falam sobre a fé cristã. Entre os sites mais afetados pelos ataques está a agência Mohabat News , que serve aos cristãos de fala persa do Irã e de países vizinhos. O ataques sobrecarregaram os servidores,  durante três dias, tirando do ar vários sites.  Esse tipo de ataque cibernético não é novidade, mas tem se tornado mais comuns recentemente.

Nada é feito em segredo. O Ministério da Segurança do Irã se vangloria em ter eliminado uma rede de Internet que, segundo as autoridades, “fazia propaganda antirreligiosa no ciberespaço”, referindo-se concretamente a sites cristãos. O Ministério informou ainda que foram detidas várias pessoas por sua suposta implicação nesta rede subterrânea; e que o governo estabeleceu um comitê especial para regular o acesso à Internet e monitorar aos usuários.

Com informações de Mohabat News

Faça Guerra!!

A auto-preservação é o pecado de muitos pregadores. Pois para se auto-preservarem eles se afastarão de pregar a verdade. Por isto não to aqui pra buscar popularidade no blog mas sim para pregar a verdade do evangelho!

Não murmure apenas por causa dos seus pecados e erros. Muitos apenas reclamam por serem assim mas não fazem NADA pra mudar. Não fazem GUERRA!!!

Em Hebreus 12:2 o autor diz aos hebreus que na luta contra o pecado eles não tem resistido até a morte. Ele fala isso depois de citar em Hb 11 todos os heróis da fé, homens dos quais esse mundo não era digno, que guerreavam contra o pecado e muitos morreram lutando contra a injustiça, o pecado

Seu maior inimigo não é o diabo. Ele é um importante inimigo. Mas não é o principal. Satanás não tem o poder de levar ninguém para o inferno. O pecado tem. O meu maior inimigo se chama Daniel Simoncelos.

O vício em cafeína, chocolate, comida, álcool, cigarro, pornografia, a busca por louvor dos homens, dinheiro, fama, popularidade, poder. Isto é o maior inimigo. Isto que escraviza você.

Mais que lutar contra Satanás, lute contra o PECADO.

Não estamos em um acordo de paz com o mundo como a religião muitas vezes prega, e muitos cristãos vivem. Estamos em guerra contra o pecado, contra a injustiça, contra nós mesmos.

Lute. Não sabe como? Corra para o manual - a bíblia!!!

Faça GUERRA!!! Quando estamos na guerra, qualquer ruído é motivo para atirar. Qualquer menor sinal é motivo para ficar vigilantes. Não baixamos a guarda, não vacilamos.

Por Daniel Leite
Somente a Graça

Águas Profundas

Tendo acabado de falar, Jesus disse a Simão: “Vá para onde as águas são mais fundas”, e a todos: “Lancem as redes para a pesca”.
(Lucas 5:4)
Quando estamos próximos da orla não precisamos de muita fé para manter nosso barco em segurança. Quando estamos na praia tudo é fácil. Podemos facilmente voltar para a areia sem nos preocupar demais com a correnteza.
 
Mas o que acontece quando eu vou para águas profundas? E quando vou para o alto-mar?
 
Amyr Klink, um navegador que já atravessou o mundo em seu barco, já atravessou tempestades em alto-mar que o fizeram ficar acordado por mais de 24hs segurando o barco para não naufragar.
 
Quando estamos em águas profundas não temos o controle sobre nós mesmos. O máximo que podemos fazer é contar com o Supremo.
 
Porém são nas águas profundas que podemos experimentar o agir de Deus em nossas vidas. Em águas profundas, podemos lançar nossas redes e colher tudo aquilo que Deus preparou para nós.
 
Nas águas profundas podemos mergulhar na presença de Deus de uma forma que jamais poderíamos imaginar ancorados na praia. É lá onde não temos o controle, que Deus assume o controle e nos faz ir a lugares que jamais imaginamos. Lugares profundos, lugares altos, lugares que homem normal jamais irá, apenas aquele que se entregou completamente a Deus.
 
Que sua vida seja Dele! Que seu coração seja completamente dele!

Gospel +

Céu ou Inferno?

Se quiserdes, e ouvirdes, comereis o bem desta terra. Mas se recusardes, e fores rebelde, sereis devorados a espada. Porque a boca do Senhor o disse. Isaías 1:19-20.

Se quiserdes e ouvirdes – frase em condicional, só será possível desfrutar, deliciar, comer o melhor da terra com duas condições: 1ª se eu e você quisermos. 2ª se eu ou você, meu amado, dermos ouvido a palavra de Deus. Não tem como fugir desta palavra, não tem como responsabilizarmos o Senhor quando somos rebeldes e desobedientes. Não tem como se inverter a situação. Eu escolho, portanto somente eu sou responsável pelo meu futuro.

Ao lermos a historia de Israel, vemos que Deus sempre expôs para Israel condições para ser uma nação vitoriosa. Veja: se fores obediente, se observardes a minha palavra, se guardares os meus estatutos e por aí vai. Se, se, se.

Deus pela sua soberania e capacidade de criador, fez o homem sua imagem e semelhança, dotando-lhe de sentimentos e poder de decisões, mesmo correndo o risco do próprio homem se voltar contra o seu criador. Deus pela sua soberania poderia e pode salvar quantos quiser ou todos homens que forem preciso porque Ele é Deus. Mas Ele deixa o homem escolher o caminho. Expôs ao homem dois caminhos e o homem escolhe o qual quer seguir e as suas conseqüências. Se estivesse nas mãos de Deus colocar o homem no céu ou no inferno, Ele pela sua infinita misericórdia e amor levaria todos ao céu. Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu seu único filho para que todo aquele que nEle crê, não pereça mas tenha a vida eterna. João 3:16. Ele não criou o inferno para os homens e sim para o diabo e seus anjos. O agricultor escolhe com paciência a semente para semear. Quando chega o tempo da colheita, ele colhe com certeza o que plantou. Se plantou milho colherá milho; se feijão, colherá feijão. Não adianta o homem reclamar por ter colhido milho, se o mesmo plantou milho. Assim nos diz a palavra de Deus: Portanto aquilo que o homem semear isto mesmo ele colherá.

O que tens plantado meu irmão? Discórdia? Rancores? Desunião?

Lembre-se que vamos colher. Mas uma vez a condição encontra-se em suas mãos: o que vais plantar? Deus não poderá ser responsabilizado pelos seus frutos, lembre-se você é o único responsável, pois foi você que plantou.

Em apocalipse encontram-se duas frases interessantes veja: se hoje ouvires a voz do espírito Santo, não endureçais o vosso coração. Es que eu estou à porta e bato, se ouvires a minha voz e abrires à porta entrarei.... Se ouvires a minha voz, e abrires à porta do vosso coração. Novamente o homem, precisa ouvir e agir para que haja uma mudança na sua vida. Jesus não entra sem que o homem permita que ele entre e reine no coração.

Certa ocasião, ouvi alguém dizer: Quando eu morrer, Deus é que sabe aonde vai me colocar. Quantas vezes você ouviu esta frase: Deus é que sabe... Deus ponha-me em um bom lugar. Eu gostaria de te chamar a atenção! Quantas proibições e leis regem o nosso País? A constituição quase sempre é ignorada não é mesmo? São tantas advertências como por exemplo: Não Fume! Diz a placa, mais o fumante simplesmente ignora a placa e fuma, embora esteja também estampada a frase em seu maço de cigarros “fumar causa câncer”. E no trânsito? Proibido parar e estacionar diz a placa. O motorista não só para, mais também fica embaixo da placa estacionado. Nos postes de alta tenção está escrito: Não suba, perigo alta tenção!! Pessoas desafiam e sobem nos postes para furtar energia. Quando é multado o motorista que estacionou em baixo da placa, e aquele que foi eletrocutado no poste, de quem é a culpa? Seria do guarda de trânsito, da companhia de eletricidade que colocou o poste justamente naquela rua? E as placas de advertências?

A vida espiritual funciona da mesma forma caminhamos e à nossa frente deparamos com uma placa que diz: “não mate”; mais a frente, “não roube” ; “não adore imagem, adore somente a Deus”; “ame ao meu filho Jesus pois ele morreu pelos seus pecados, siga suas pegadas e viverás”. Simplesmente os viajantes ignoram todas as placas, nem se quer querem dar ouvidos aos que falam sobre as mesmas. Se por ventura alguém conhecendo estas advertências partir, de quem é a culpa pelo seu destino? De Deus?

Do homem é toda a culpa, pois somente ele pode mudar sua história. Basta querer, basta ouvir, e obedecer, que o melhor desta terra e da futura celestial será conquistada. Enquanto há vida há esperança, garanta a vida eterna enquanto teu coração ainda bate, aceite a vida eterna em Cristo Jesus. Não deixe para amanhã ou depois, nem diga: Deus é quem sabe. Diga eu sei, eu tenho vida eterna em Cristo. Lembre-se você é o único responsável pela tua alma. Após a morte não adianta reza nem ave Maria, é só aguardar para o último dia o Juízo final.

Se hoje ouvires a voz do espírito Santo, não endureçais o vosso coração.
 
Por Josiel Dias

Jovens evangélicos fazem paródia com a canção “Ai se eu te pego” de Michel Teló

O vídeo postado em setembro no Youtube ganhou destaque através dos sites de humor

Dois jovens evangélicos resolveram fazer uma paródia gospel com a música “Ai Se eu Te Pego” uma canção de duplo sentido que é sucesso nas rádios de todo Brasil. Na versão evangélica é “Assim eu Prego” e o refrão “nossa, nossa” virou “glória, gloria”.
 
O vídeo foi postado por Paulo Peres no Youtube no dia 13 de setembro e já teve mais de 2.500 acessos. Várias pessoas comentaram elogiando a versão dos jovens, outras porém não gostaram da paródia.
 
O cantor Michel Telo não é evangélico, mas já fez participações no CD de Marcelo Aguiar cantando a música “Ao único que é Digno”, agora ele se prepara para gravar músicas românticas também com Marcelo Aguiar em parceria com Eduardo Costa.
 
Paródia / Original:
 
Glória, Glória! / Nossa, nossa
A Ele toda Glória! / Assim você me mata
Assim eu prego, Assim eu prego / Ai se eu te pego, ai ai se eu te pego
Domingo, na igreja / Sábado na balada
O pastor me chamou para pregar / A galera começou a dançar
Me inspirei na palavra mais linda / E passou a menina mais linda
Tomei coragem e comecei a falar / Tomei coragem e comecei a falar
 
Glória, Glória! / Nossa, nossa
A Ele toda Glória! / Assim você me mata
Assim eu prego, Assim eu prego / Ai se eu te pego, ai ai se eu te pego


Gospel Prime

TVs evangélicas investem em programas voltados para o público feminino

Com linguagem própria esses programas servem como ferramenta de evangelismo e como forma de entretenimento
A expansão de canais evangélicos na TV brasileira faz com que programas segmentados apareçam para atrair nichos específicos do público. Notamos que nas principais redes de TV evangélicas há programas destinados às mulheres com programação diferenciada que fala sobre relacionamentos, saúde, filhos e há alguns que trazem receitas e dicas de artesanato.
 
O que difere esses programas dos demais são o ensinamento bíblico e também debates específicos com temas voltados para a fé. Há programas também que terminam com uma oração e atendem pedidos das telespectadoras.
 
O programa feminino mais antigo que encontramos é o programa “De Bem Com a Vida” que está no ar há 16 anos pela Rede Gospel. Essa atração é apresentada pela bispa Sônia Hernandes e outras pastoras da Renascer. O programa aborda temas do universo feminino com humor e descontração, sempre falando sobre a palavra de Deus.
 
A RIT TV, da Igreja Internacional da Graça de Deus, também tem um programa para mulheres. Comandado por Jacqueline Stefano, o “Nosso Programa” é uma atração de variedades que fala sobre vários temas interessantes para mulheres.
 
A Rede Boas Novas, da Assembleia de Deus de Belém do Pará, também colocou programas femininos em sua grade de programação. As telespectadoras do canal evangélico podem contar com o programa diário “Espaço Feminino” e com o semanal “Voz Mulher”.
 
Esses programas possuem uma linguagem própria e servem para atrair mulheres não evangélicas e também como entretenimento e alimento espiritual para as já convertidas. Debatendo temas como doenças e mercado de trabalho o público cristão permanece informado do que está acontecendo no mundo e recebe ainda o encorajamento da parte de Deus para enfrentar as situações do dia a dia.

Gospel Prime

Senado realiza audiência pública para discutir as propostas do PLC 122

Juntamente com os senadores estarão os presidentes da AOB e da CNBB
Na próxima terça-feira, 29, os senadores da Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH) realizarão mais uma audiência pública para discutir o projeto de lei que criminaliza a homofobia. Dessa vez eles vão falar sobre a ampliação da Lei 7.716/1989, que trata sobre a discriminação decorrente de raça, religião e origem.
 
A ideia é acrescentar à essa legislação os crimes de discriminação por gênero, sexo e orientação sexual, esse é o objetivo do PLC 122/2006 que já esteve em pauta na CDH em maio deste ano, mas foi retirada por falta de entendimento para votação.
 
A proposto será discutida com os os presidentes da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Ophir Cavalcante; da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), Raymundo Damasceno Assis; e da Frente Nacional Cristã de Ação Social e Política (Fenasp), Wilton Costa.
 
A audiência pública foi sugerida pelo senador Magno Malta (PR-ES) que é contrário à alguns items do texto do PL 122, o mais polêmico se refere as opiniões contrárias ao homossexualismo, classificando-as como crime.
 
Com informações Verdade Gospel

Você sabe o que é Galardão?


O que significa galardão?

Você perguntou o que é galardão. O Novo Testamento fala, com frequência, de galardões futuros reservados para o cristão. Trata‑se de recompensas ou prêmios, e estão disponíveis a todos. Um copo de água fria dado a um discípulo só pelo fato de este pertencer a Cristo será motivo de galardão (Marcos 9.41); e o Senhor avisou que voltará, e que com Ele estará o galardão para ser dado a cada um segundo as suas obras (Apocalipse 22.12). Aquele que trabalha na obra de Cristo, caso o seu trabalho permaneça, receberá o seu galardão (1 Coríntios 3.8‑14). Do mesmo modo, aquele que faz o mal será recompensado também, só que de acordo com o mal que praticou (2 Samuel 3.39).

Não é o galardão o nosso objetivo, mas cada um de nós deveria estar pronto a dizer que é o amor de Cristo que nos constrange a fazer algo por Ele (2 Coríntios 5.14). Mas Deus decidiu dar recompensas por causa de seu amor e graça tão abundantes, para que sirvam de encorajamento em meio aos perigos e dificuldade que enfrentamos no caminho. E devemos ficar atentos para que não percamos nossa recompensa (Colossenses 2.18 e Apocalipse 3.11).

É importante que se deixe bem claro que o galardão ou a recompensa nada tem a ver com a Salvação, que é recebida por fé no Senhor Jesus e graças à Sua obra consumada na Cruz. Nada podemos fazer, de nós mesmos, para recebermos a salvação ou para nos mantermos de posse dela. Trata‑se de um dom de Deus. E quanto às nossas obras aqui, dentre as quais as que são segundo a vontade de Deus serão por Ele recompensadas, naquele dia entenderemos que nada fizemos de nós mesmos: foi Ele mesmo que fez tudo e só nos usou como instrumentos. A princípio não mereceríamos tais recompensas, pois foi tudo obra dEle, mas Seu amor deseja concedê‑las e, com alegria, as receberemos.
 
Por Mario Persona

Revista Veja destaca a “explosão” do mercado de música gospel no Brasil

Semanário de maior circulação do Brasil reconhece “a crescente penetração dos evangélicos no país”
É difícil ver alguma matéria em jornais e revistas destacando algo positivo sobre os evangélicos. Quase sempre só apenas noticias por conta de algum escândalo ou declaração controversa de algum líder importante.
 
Mas depois que a rede Globo, a exemplo de outras emissoras, começou a dar destaque em sua programação aos artistas do chamado segmento gospel, a imagem dos evangélicos parece estar mudando diante da população em geral.
 
De acordo com a Federação Internacional da Indústria Fonográfica, 45% das músicas são consumidas a partir de downloads ilegais e 52% dos discos vendidos são piratas. O único nicho de mercado que parece ser exceção é justamente o de música gospel.
 
A reportagem da Veja ressalta as “particularidades do segmento”, dizendo que o p[ublico consumidor desse estilo musical é formado basicamente por fiéis das classes C, D e E, Além de se beneficiar dos preços mais baixos dos CDs evangélicos, tem menos acesso à internet e faz menos downloads – sejam legais ou ilegais.
 
Laudeli Leão, diretor de comunicação da MK Musicvai mais além: “Há uma questão moral. A religião proíbe burlar a lei. A venda de discos pirateados representa de 10% a 15% do mercado gospel, um índice muito inferior que os 52% do mercado secular, por exemplo”.
 
A Associação Brasileira de Produtores de Discos indica que o gospel é o segundo gênero musical mais consumido no país, perde apenas para o sertanejo. Entre vendas de CDs e DVDs, e a produção de grandes festivais, o mercado gospel movimentou cerca de 1,5 bilhão de reais em 2010. Segundo uma pesquisa de mercado recente, a previsão é que cresceu 33% em 2011 e deve fechar na casa dos 2 bilhões de reais.
 
Parte desse crescimento deve-se ao investimento de grandes gravadoras como Sony e Som Livre nessa área. Este ano surgiu também um canal exclusivamente de música gospel transmitido pela internet, a LouveTV.
 
A série de CDs Promessas, uma coletânea de músicas de louvor lançado pela Som Livre, fez tanto sucesso que no em dezembro será exibido pela Globo o “Festival Promessas”, primeiro evento do tipo a ser veiculado pelo maior canal de TV da América Latina. O público esperado para a gravação, no Rio de Janeiro, é de, 1 milhão de pessoas.
 
O diretor da Globo responsável pelo Promessas, Luiz Gleiser afirma que “como maior produtora de cultura do país, [a Globo] não pode ficar indiferente à força artística da música gospel… A Globo já convidava artistas gospel para os programas de linha, como Domingão do Faustão e TV Xuxa, por exemplo. O Promessas é um passo a mais nesse sentido”.
 
A revista também deu destaque a vários artistas conhecidos na música gospel brasileira e os classificou de “estrelas”. O termo gospel surgiu nos Estados Unidos para classificar um tipo específico de música. No Brasil, porém, lembra a Veja “os artistas evangélicos são múltiplos… gravam ritmos que vão do pop ao forró e ao rock pesado, passando pelo sertanejo universitário”.
 
Os músicos que receberam mais espaço foram:
 
Aline Barros, ganhadora por quatro vezes do Gramy Latino na categoria gospel, já vendeu mais de 7 milhões de discos desde meados dos anos 1990. Comparada a Ivete Sangalo, é chamada pela revista de “joia do coroa do mercado gospel”.
 
Cassiane Santana, que já vendeu cerca de 5 milhões de discos desde o início da carreira. Mais identificada com o público pentecostal, depois de Aline Barros, é a cantora gospel que mais vende discos no país, sendo “a maior estrela do selo gospel da Sony Music”.
 
Oficina G3, um dos grupos mais antigos do gênero no país, formado nos anos 1980. Com um público fiel, é classificado pela Veja como “um ícone gospel junto ao público mais jovem”. Se destaca por fazer o estilo rock e não ter a maioria de suas músicas cantadas nas igrejas durante os cultos como quase todos os artistas gospel.
 
Diante do Trono: formado em 1997, na Igreja Batista da Lagoinha, em Belo Horizonte, o grupo conta com corpo de baile e coro, além da própria banda. Sua principal vocalista é Ana Paula Valadão, e já vendeu, entre discos lançados pelo grupo e por seus integrantes em carreira-solo, mais de 10 milhões de cópias
 
Regis Danese (nome artístico de Jose Geraldo Danese) já ganhou um Grammy Latino. Chamado pela revista de “Luan Santana gospel”, seu primeiro disco, de 2009, vendeu mais de 1 milhão de cópias. Sua música de maior sucesso “faz um milagre em mim” foi regravada por dezenas de artistas em diferentes estilos.
 
Bruna Karla, considerada “a maior revelação da música gospel nos últimos anos”. Ainda sem ter a carreira consolidada, faz cerca de 15 shows por mês e atrais um público variado, que reúne tanto os mais conservadores quanto os mais jovem.

Jotta A., chamado de “a maior aposta do meio”, foi revelado no programa de calouros de Raul Gil. Foi contratado pela Central Gospel, do pastor Silas Malafaia, e recusou a oferta de 1 milhão de reais feita pela Sony Music. O cantor de apenas 14 anos terá seu primeiro disco com tiragem inicial de 500.000 cópias, comparável aos números de artistas como Luan Santana e Paula Fernandes.
 
A extensa matéria do semanário ressalta um fator que não é novidade para a maioria dos evangélicos, a dinâmica própria desse tipo de música. “Todos os dias, as igrejas recebem novos convertidos, que passam a consumir vorazmente os produtos evangélicos. E a música é o carro-chefe deles”, explica Laudeli Leão, diretor de comunicação da MK Music, a maior gravadora gospel do país.
 
Outro fator destacado é a rede de apoio que os artistas tem nas igrejas, executando as músicas durante os cultos e nas rádios especializadas no estilo gospel presente em centenas de cidades do Brasil. “Enquanto no mercado secular as lojas de disco se extinguiram, existe uma rede de pequenas lojas no mercado evangélico para a venda de Bíblias, livros e discos”, lembra Mauricio Soares, diretor do selo gospel da Sony Music e que foi diretor da Line Records, ligada à Igreja Universal do Reino de Deus.

Gospel Prime

Missionário desafia televangelistas a pregar o evangelho da prosperidade no sertão Nordestino

Ele cita a pobreza extrema da região e pede para esses pastores tentarem ter uma vida luxuosa em cidades como as do sertão
Um pastor do sertão cearense fez um apelo aos televangelistas para pregarem o evangelho da prosperidade no sertão nordestino, para ver se essa filosofia realmente funciona.


O missionário que não teve o nome anunciado desafia os pastores que tudo que “tocam viram ouro” para irem até a região menos evangelizada do Brasil, tentar mudar o quadro de miséria e tentar aumentar o índice de desenvolvimento humano que é um dos menores.

“Eu faço um apelo a vocês, se vocês quiserem conhecer uma das localidades menos evangelizadas do Brasil, e tudo que vocês tocam viram ouro, pode vir aqui transformar a vida desse povo. Ai sim nós iremos dar credibilidade ao falso evangelho da falsa prosperidade”, diz ele.

O pastor diz também que as dificuldades financeiras da região são tão extremas que “até urubu morre de fome”. Em seu discurso ele desafia esses pastores a deixarem suas riquezas para cumprirem o chamado no Nordeste.

“Quero ver vocês construírem suas catedrais, comprarem aviões, viverem luxuosamente através de um local como este. Fica aqui o meu apelo, use o dinheiro que vocês estão gastando na compra de jatinhos, na compra de mansões, na compra de ternos de R$15 mil, R$20 mil reais, relógios caros para pregar o evangelho”.

"Evangelho no Nordeste"



No Sertão Nordestino apenas 4% da população é evangélica, números que em cidades menores e mais afastadas podem chegar a 2% e a 1%. De acordo com dados do ministério Antioquia, tem pelo menos 12.000 comunidades rurais e vilarejos que não possuem nenhuma igreja.

Pensando em expandir o evangelho nessa região a Missão Antioquia está organizando o Congresso Nacional de Evangelização do Sertão Nordestino que pretende reunir 1.000 líderes de diversas denominações para tratar dos assuntos necessários para propagar a Palavra de Deus no interior dos nove estados que compõe a região.

O objetivo é traçar planos para que em dez anos pelo menos 20% da população do Nordeste seja evangélica. Os principais problemas para o evangelho chegar à essa região são as superstições religiosas e as fortes raízes do catolicismo.

Com informações PADOM

Jesus a água que sacia


O espírito de Deus pairava por sobre as águas, com estas palavras começa o projeto de Deus. Gênesis 1:2 (parte b). Disse Deus: Ajuntem-se as águas debaixo dos céus num só lugar, e apareça a porção seca. Gênesis 1:9.

Assim nasceu o nosso planeta. Surgiu entre águas, podemos comprovar isto, pois cerca de 71% da superfície da terra é coberta por água em estado líquido, do total desse volume, 97% aproximadamente, está nos oceanos, 2% em estado sólido nos pólos e apenas 1% deste total é distribuído entre rios, lagos e lençóis subterrâneo. São poucas quase nada, as reservas de água doce se compararmos o volume total de água do nosso planeta. Não para por aí, o nosso corpo é constituído grande parte de água, comprovadamente não há vida sem água, tudo gira em torno dela.
Hoje o tema mais discutido para o futuro é justamente a água, prevê-se que nas próximas décadas ou séculos não será o petróleo o líquido predominante entre as nações e sim a água. Graças a Deus o nosso país é privilegiado, pois temos grande, se não for a maior, reserva de água doce do planeta. O que seria de nós se não fosse a água? Conseguimos viver por um período sem comer, só tomando água, mas não sobreviveríamos sem ela. Hoje existe um grande conflito na Ásia, entre Israel e a Jordânia justamente por causa da água, pois o rio que abastece aquela região é o rio Jordão onde está sendo desviada a água, causando assim este conflito.
Que líquido é este que nós brasileiros não damos tanto valor, e na Ásia se matam por ele.
Amados, vemos toda esta briga por um líquido perecível, que bebemos agora, saciamos por algum momento a sede e mais à frente sentimos sede novamente. Irei falar de uma água mais preciosa que esta a qual relatei.
Certa ocasião o Senhor Jesus cansado de uma jornada repousa juntamente a uma nascente, conhecida como a nascente de Jacó, e se aproxima dEle uma mulher samaritana. 
E disse Jesus: dá-me de beber, João 4: 7.
Disse-lhe, pois, a mulher samaritana: como, sendo tu judeu, me pedes de beber a mim, que sou mulher samaritana (porque os judeus não se comunicam com os samaritanos)?E Jesus respondeu e disse-lhe: Se tu conheceras o dom de Deus e quem é o que te diz: Dá-me de beber, tu lhe pedirias, e ele te daria água viva. João 4:09-10.  O que Jesus quis dizer com “água viva”? No AT, muitos textos comparam a sede de Deus à sede de água (Sl 42:1, Is 55:1; Jr 2:13; Zc 13:1). Deus é conhecido como a fonte da vida (Sl 36:9) e a fonte de água viva (Jr 17:13). Ao dizer que poderia dar a água viva que sacia pra sempre a sede de uma pessoa em relação a Deus, Jesus afirmou ser o Messias. Somente Ele é capaz de satisfazer o desejo da alma de alguém.
Embora Jesus estivesse com sede a grande mensagem que nos deixa era de saciar a sede espiritual daquela mulher. Jesus mostra para aquela mulher que bebendo daquele poço ela teria sede novamente, mas da água que Ele lhe desse nunca mais ela teria sede.
Esta água é tão preciosa que é capaz de matar a sede dos homens não por um momento, mas por toda eternidade, e ainda torná-los em uma fonte, fonte esta de água viva.
Hoje esta água está disponível para todo aquele que com sede, vem saciar -se, assim como aquela mulher samaritana fez, faça também. Se o mundo compreendesse beberia desta água, e seria salvo por ela.

Jesus a água que sacia.

 Amém!
Por Josiel Dias

Igreja do Universo tenta provar que fumar maconha é uma prática religiosa aceitável

Juiz canadense nega status de religião a seita que 
acredita que Jesus fazia uso da substância 
Um juiz do Tribunal Federal do Canadá não aceitou o pedido de reconhecimento do uso de maconha com fins religiosos.
Christopher Bennett afirma ser  sacerdote da “Igreja do Universo”, grupo sectário que acredita que a cannabis sativa (nome científico da maconha) é a “árvore da vida.” Ele tenta provar na justiça que as leis do Canadá desrespeitam os seus direitos religiosos.
Em sua detalhada decisão, num processo com 21 páginas, o juiz Michel Shore disse que Bennett não conseguiu provar que o consumo de maconha “tem qualquer ligação com a religião.” “Mesmo que o requerente alegue que sua prática é baseada na crença de que a cannabis é a árvore da vida, isso, por si só, não a torna uma prática religiosa”, escreveu o juiz.
Em uma entrevista recente, Bennett, 49, disse que vem usando maconha como um sacramento religioso por mais de 20 anos. Ele é um ex-”hippie-surfista” de Vancouver Island, que começou a fumar maconha quando tinha 12 anos.
Em 1990, entrou para uma seita chamada “Igreja do Universo”, depois de entender que a maconha lhe deu uma “revelação” de que a cannabis era a árvore da vida mencionada no Livro do Apocalipse.
“Foi um momento crucial em minha vida”, disse ele. “Não é apenas um chamariz. Ao ingerir cannabis, compartilhamos de uma consciência coletiva, o que é um aspecto de Deus. Essa é uma crença comum em inúmeras tradições místicas.”, defende-se Bennet , que diz ser um estudioso do assunto. Ele já escreveu três livros sobre o uso de cannabis em várias religiões e na história antiga e ele atua como um juiz em concursos que medem a qualidade de cannabis em vários lugares do mundo.
Ele é o dono da Urban Shaman, uma loja de Vancouver que vende “plantas mágicas e sagradas”, e faz participações no site, Pot.TV, que divulga vídeos relacionados à maconha.
Bennett começou seu confronto com o governo em fevereiro de 2009, quando escreveu ao ministro da Saúde alegando ser de “interesse público” na Lei de Substâncias Controladas a inclusão do uso da maconha por motivos religiosos. Seu pedido foi negado. Foi então que ele apelou para o Tribunal Federal para pedir uma segunda opinião.
Em sua decisão, o juiz Shore concluiu que o consumo de maconha era uma “opção de vida” secular, que não podia ser protegido pela legislação canadense sobre a liberdade de religião. O juiz reconhece que Bennett apresentou evidências volumosas sobre o uso religioso de cannabis ao longo da história, citando as práticas de uso da maconha pelos rastafaris e etíopes coptas, mas que essas informações eram “irrelevantes”.
O que precisava ser relevante, disse Shore, era saber se poderia comprovar que  o uso de maconha pode ser ligado a um sistema abrangente de fé e adoração. Neste ponto, afirmou o juiz, Bennett não produziu “quase nenhuma evidência” para mostrar uma conexão. Seu único argumento foi dizer, repetidas vezes, que isso lhe ajuda a “conectar-se com o divino.”
Os dois acadêmicos que Bennett apresentou como suas testemunhas também não puderam oferecer nenhuma evidência relevante, finalizou o juiz.
Bennett tentou argumentar que sua liberdade e direitos de igualdade seriam violados se ele não recebesse a isenção, lembrando que alguns canadenses podem ter acesso legalmente a maconha por razões médicas. Além disso, usuários de drogas injetáveis ​​em Vancouver podem fazer uso delas em locais determinados pelo governo como o Insite.
A palavra final do juiz foi que essas exceções foram concedidas porque protegem a saúde e a segurança pública, nada tendo a ver com religião. Coincidentemente, o juiz Michale Shore também escreveu livros sobre religiões e espiritualidade.
Bennett e a Igreja do Universo não se deram por vencidos e vão apelar novamente da decisão.
“É claramente uma discriminação religiosa”, disse ele, citando que no Google as palavras “Jesus” e “cannabis”, aparecem juntas em milhares de links. Um dos ensinamentos da Igreja é que a Bíblia se refere à cannabis em várias passagens, como Êxodo 30:23, que fala do óleo da unção dos sacerdotes. Para eles, a tradução mais correta do termo “Kaneh-Bosum” não é “cálamo”, mas sim “cânhamo”, outro nome da cannabis.
Em seus escritos, a Igreja do Universo defende que usar cannabis é parte do ensinamento bíblico e que as propriedades curativas da planta são inegáveis. Para a seita, como o óleo da unção continha cannabis em sua composição, foi usado por Jesus e depois pelos apóstolos quando oravam por cura e ungiam os doentes.

Traduzido e Adaptado por Gospel Prime de National Post e Cannabis Culture

O Cristão e a Tatuagem 3

Tatuagem é coisa satânica, diz Edir Macedo. Silas Malafaia discorda

Líder da IURD condena a prática e diz que tem origem pagã e não deve ser usada por servos de Deus. 
Em um texto publicado em seu blog no dia 25 de novembro o bispo Edir Macedo condena tatuagens e diz que elas ferem princípios bíblicos. Em seu discurso ele lembra que a prática de fazer figuras foi desenvolvida por povos pagãos e que a inspiração para elas “foi e é satânica”.
O líder da Igreja Universal do Reino de Deus ainda citou o texto de Números 33 versículos 51 e 52 onde Deus diz que é para destruir as pedras com figuras. ” Ora, se Deus mandou destruir as pedras com figuras, por que Ele permitiria que figuras pudessem ser gravadas no corpo humano, que é o templo do Seu Espírito?”, questiona Macedo.
Sua posição a respeito de tatuagem fica mais clara no final do texto: “A meu ver, tatuar é querer parecer com os filhos de Baal. Os filhos de Deus não devem jamais querer imitá-los, mesmo que isso contrarie as regras deste mundo podre.”
Malafaia diz que não é errado
Em um episódio do programa Verdade Gospel, o Pastor Silas Malafaia respondeu a um internauta que questionou se piercings e tatuagens são condenados pela Bíblia.
Ao contrário do líder da IURD, Malafaia diz que não há porque usar o Velho Testamento como regra para o Novo. “Eu aprendi um princípio que Paulo cita duas vezes em suas cartas: Tudo me é licito mais nem tudo me convém”.
Para o líder assembleiano não há respaldo bíblico para condenar tatuagens e piercings. “Isso é costume social”, diz ele que fala que acredita que as pessoas condenam a prática por não gostarem delas e não por terem base bíblica para dizer que é pecado usá-las.

Gospel Prime

Adoração 24 Horas por dia...

A Casa Internacional de Oração tem atraído dezenas de milhares de fiéis por promover adoração e orações durante as 24 horas do dia. Localizada em um antigo shopping center do Kansas, Estados Unidos, o ministério fundado por Mike Bickle tem crescido e já conta com mil funcionários que vivem em tempo integral para a igreja.

Bandas ao vivo permanecem o dia todo tocando canções de louvor a Deus, enquanto os membros entram e saem clamando a Deus por diversos pedidos. Segundo Bickle essa adoração contínua afeta eventos do mundo real, enfraquecendo os demônios e fortalecendo os anjos que giram entre nós. Ele também prega que se esse modelo for multiplicado pelo mundo pode ajudar a acelerar a volta de Cristo e o Juízo Final.

Para aumentar o número de missionários, a Casa Internacional mantém uma escola bíblica, onde atualmente cerca de mil estudantes estão se preparando para espalhar esse modelo de cristianismo pelo mundo.

Esses funcionários e também alunos são obrigados a passar pelo menos 25 horas por semana na sala de oração, e eles também fazem jejum semanal por um dia ou mais.

Sobre o crescimento desta denominação, a historiadora religiosa da Escola de Teologia da Universidade de Duke, Catherine C. Bowler, diz que esse ministério é ”um exemplo importante” da proliferação das igrejas carismáticas. Já o editor da revista evangélica Carisma, Marcus Yoars, observa que esses grupos estão praticando a oração perpétua de uma forma raramente vista na América moderna.

Apesar disso, Bickle também tem sido criticado por alguns pastores, eles o acusam de disseminar uma teologia não-ortodoxa. Mas o pastor prefere não dar ouvidos às críticas.

Fonte: Gospel Prime

Fim do mundo em 2012: Cientistas descobrem nova referência para a profecia maia

Outros estudiosos dizem que não há ligações entre um texto e outro e ainda garantem que a profecia foi uma má interpretação
O Instituto Nacional de Arqueologia do México anunciou por meio de um comunicado que existe uma segunda referência sobre o fim do mundo no calendário maia. A descoberta de um tijolo no templo Comalcalco reforça as profecias de que mundo pode acabar em 2012.
A peça foi encontrada há alguns anos e passou por um estudo completo para que os estudiosos tentassem encontrar um sentido para o texto. O que está escrito no tijolo pode bater com o fim do 13º Baktun – ciclo maia que encerraria em 21 de dezembro de 2012.
David Stuart, especialista em epigrafia maia da Universidade do Texas diz que o texto também pode sugerir outras coisas. “Não há razão para não achar que possa também ser uma data antiga, descrevendo algum evento histórico importante no período Clássico. Na verdade, o terceiro glifo no tijolo aparentemente deve ser lido como o verbo ‘huli’, ‘ele/ela chega’”.
Mais há cientistas que não conseguem aproximar os escritos de uma peça com a outra. “Não há verbo no futuro (ao contrário da inscrição de Tortuguero – a primeira descoberta), o que, do meu ponto de vista, coloca a data de Comalcalco mais como uma referência histórica do que profética”, diz Stuart que é dos que não acredita que se trata da data do “fim do mundo”.
Ambas as inscrições teriam sido criadas aproximadamente há 1,3 mil anos atrás. Tortuguero, a primeira peça maia encontrada, descreve algo relacionado ao deus Bolon Yokte (associado à guerra e à criação) em 2012, mas erosão e um rachado na pedra impedem a leitura do final da passagem, mas alguns cientistas acreditam que diga “ele irá descer dos céus”.
Já o tijolo de Camalcalco tem em seu texto símbolos que estariam invertidos ou cobertos com estuque, o que indicaria – por quem o escreveu – que eles não devem ser vistos. Essa peça não será exibida ao público.

"Profecia desmentida"

Meses atrás o instituto mexicano chegou a se pronunciar a respeito da peça de Tortuguero dizendo que a profecia de que o mundo vai acabar em 21 de dezembro de 2012 foi uma interpretação mal feita da peça. Os arqueólogos acreditam que a data se refere ao término de um ciclo, pois os povos antigos dividiam o tempo em longos ciclos, sem ter qualquer previsão a respeito do “fim do mundo”.

Com informações Terra

Ser um padre ou pastor é o “emprego” mais feliz do mundo, mostra estudo

Conheça as 10 profissões mais “felizes” e as
10 mais “dolorosas” 
Um estudo publicado recentemente pela revista Forbes mostra que o sacerdócio é o “emprego” mais feliz do mundo. Este foi o resultado da Pesquisa Geral Social realizada pela National Organization for Research [Organização Nacional para a Pesquisa] da Universidade de Chicago, nos Estados Unidos.
A pesquisa foi feita com representantes de diversas profissões na América do Norte.
Os profissionais que se declararam mais felizes com suas ocupações foram:
1) Sacerdotes (padres e pastores foram entrevistados)
2) Bombeiros
3) Fisioterapeutas
4) Escritores
5) Professores de educação especial
6) Professores (em geral)
7) Artistas (escultores, pintores, etc)
8) Psicólogos
9) Agentes de serviço financeiro
10) Engenheiros de operações
O estudo mostra que as pessoas se sentem mais satisfeitas com trabalhos que não oferecem necessariamente os melhores salários, mas tem a ver com servir ao próximo.
No tocante à felicidade sentida pelos sacerdotes, o resultado da pesquisa norte-americana não é uma novidade. Em uma enquete realizada junto a 2.500 sacerdotes pelo Monsenhor Stephen Rosseti, decano associado da Universidade Católica da América, já havia chegado a esta conclusão. No estudo realizado pelo sacerdote, 92,4% dos sacerdotes se declararam “pessoas felizes”.
A felicidade sacerdotal se destaca, quando comparada com a situação do restante dos cidadãos norte-americanos. Segunda uma pesquisa correlata, feita pelo National Opinion Center [Centro de Opinião Nacional] mais de 50% das pessoas está infeliz com seu trabalho.
No lado oposto da balança, estão as funções de diretores com salários elevados, mas com menor trato humano.
A Forbes informou ainda que os trabalhos mais insatisfatórios são:
1) Diretor de tecnologia da informação,
2) Diretor de vendas/ marketing,
3) Diretor de produtos (manager),
4) Desenvolvedor de serviços de web,
5) Técnico especialista,
6) Técnico em eletrônica,
7) Secretário jurídico,
8) Analista de suporte técnico,
9) Maquinista
10) Gerente de marketing
Por que alguns empregos que oferecem bons rendimentos e status não trazem felicidade às pessoas? O escritor americano Todd May relatou em sua coluna no The New York Times:
“Em certo sentido, uma vida satisfatória deve ser vista como algo bom, que gere uma sensação de realização. A pessoa quer viver a vida e ser envolvido por ela. Uma vida de dedicação a causas que geralmente são definidas como dignas – como prover alimentação e roupas aos pobres, ou cuidar de doentes – oferecem a pessoa que opta por isso um significado maior neste sentido.
No entanto, para que a vida seja significativa, deve também ser de valor. Esta é a distinção entre “trabalho mais feliz” e “trabalho mais doloroso”.
Alguns tipos de trabalho podem fazer as pessoas se sentirem mais completas, enquanto outros não oferecem essa possibilidade… Logo, nada acrescentam na sensação de felicidade ou plenitude de existência”.

Traduzido e adaptado por Gospel Prime de Actualidady Analisis e Forbes

Israel ameaça tomar túmulo de José da Palestina

Local tem sido alvo de confusões e prisões desde 2000 quando passou a ser palco de manifestantes 
O túmulo de José pode ser um dos motivos para ressuscitar a briga infindável entre Israel e Palestina. Dessa vez o ministro do Interior israelense, Eli Yishai, disse diante de 1,5 mil judeus que seu país precisa tomar o túmulo que desde 2000 pertence ao distrito cisjordaniano de Nablus.
A declaração foi feita na quinta-feira, 24, quando os judeus participavam de uma concentração no local, visita autorizada e coordenada entre o  o exército e a polícia de Israel com as forças de segurança palestinas.
“O túmulo pertence a nós, devemos recuperar nossa presença plena no túmulo de José. A atual situação é uma clara violação aos acordos de Oslo e devemos corrigi-la”, disse o ministro. O acordo citado foi feito primeiramente em 1993 dando ao exército israelense o controle sobre o santuário.
Mas sete anos mais tarde a Autoridade Nacional Palestina (ANP) se apossou da área depois que o local se tornou palco de diversas manifestações. Desde então a visita de judeus ao santuário só podem ser feitas com autorização prévia, caso contrário os visitantes podem ser presos.
Na quarta-feira a polícia de Nablus prendeu 13 israelenses que entraram no distrito de forma ilegal. Para Yishai o local é dos judeus e por isso é necessário enviar uma resposta à autoridade Palestina atuando conforme diz as crenças judaicas.
“As permissões de construção são a resposta correta às inúmeras violações aos acordos pela Autoridade Palestina, mas isso não é suficiente”, disse ele antes de deixar o local.

Com informações Terra
Via Gospel Prime

O crente é Homofóbico?

 Como devemos nos portar frente a esse assunto...
Como crente, vivendo numa época desenvolvida e cheia de informação eu pergunto; Como devemos nos portar frente a esse assunto atual, polêmico e intrigante que denominaram *HOMOFOBIA?
Qualquer manifestação de opinião pode ser mal interpretada, qualquer tipo de palavra mal colocada, texto escrito de uma forma direta e conclusivo que discordem do comportamento gay pode ser usado contra quem o escreve, estamos correndo o risco de sermos penalizados.
E isso nunca aconteceu antes, na verdade, muitas coisas não aconteciam antes.
Mas, as coisas não param por ai…(!) nunca antes eu vi um canal de televisão, ou melhor… a rede Globo de televisão tomar para si uma causa de maneira tão ferrenha e levantar uma bandeira tão forte a um movimento como tem feito nos últimos dias pelo movimento Gay.
Falava-se muito do primeiro beijo gay na televisão, todos pensávamos que seria numa novela de qualquer horário da Globo, mas nos enganamos…
O beijo, desculpe-me, devo usar no plural, “os beijos” aconteceram no telejornal mais importante do Brasil, o Jornal Nacional.
Fico pensando que deve ter sido um golpe duro no escritor de novela que já estava de planos feitos para incluir essa cena nos seus textos, fico pensando também que algum escritor já deva estar pensando na primeira cena amorosa e sensual de um casal gay… sim porque os limites já foram ultrapassados, e precisam de ibope.
O fato é que hoje para a causa *homofóbica no Brasil, existem muitos motivos e pretextos para a legitimarem.
Violência contra gays em grandes cidades é um deles, mas esquecem que nosso país é violento em todas as esferas, e a violência contra o gay, é resultado disso, e não um índice causador de nos tornar um país que mata e agride somente homosexuais, mas também a prostitutas, pais de familia, idosos, estudantes, empresários, crianças etc…
Mas, isso não vem ao caso, ser gay, virou moda, quem tem tendência para esse comportamento encontra apoio nas mais variadas esferas que regem nossa sociedade, e agora a própria lei legitimou o que chamam de “novo segmento da familia brasileira”.
Pois bem, e a igreja como deve se portar frente a isso?
Tenho visto alguns corajosos que metem a cara na tv, entre eles até alguns que nem da igreja são, mas entendem que a apologia ao homossexualismo está indo além do direito de ser gay, e ultrapassando a isso, toma espaço daquele que não divide da mesma opinião.
Os cristãos de modo geral nesse país que usam a bíblia como diretriz e regra da fé cristã, sabem que os textos bíblicos não deixam sombra de dúvida sobre o homossexualismo. Deus através de sua palavra condena completamente a prática do homossexualismo, e isso, nunca tivemos problema nenhum em ensinar a nossos filhos, mas e agora? Perto do que imaginamos uma lei aprovada pelo Congresso, poderemos continuar a falar isso?
O que você como crente pensa? devemos nos acovardar? sentirmos medo do “politicamento correto”?
O que você como crente deve fazer? baixar a cabeça por conveniência, ou falará ao mundo que a prática do homossexualismo é pecado, sempre foi pecado e sempre será pecado?
Pra concluir… já parou pra pensar na palavra HOMOFOBIA? você sabe qual o sentido dela no dicionário português verdadeiro?
Digo verdadeiro porque se você procurar o sentido dessa palavra na internet hoje, ela sempre estará associada ao homossexualismo, então deixe-me explicar;
Fobia origina-se do grego e quer dizer “MEDO”.
Homo origina-se do latim e quer dizer; humanoser humanopessoagente ou homem é um animal membro da espécie de homo sapiens, pertencente ao genero família hominidae  ”Homo sapiens - do latim ”homem sábio.
Logo, unindo essas duas palavras origina-se HOMOFOBIA, ou seja, medo do ser humano, medo de pessoas, de um indivíduo.
Andei lendo alguma coisa sobre esse distúrbio de ordem psíquica, Sob o ponto de vista clínico, no âmbito da psicopatologia o tratamento mais indicado é a psicoterapia.
A pessoa que desenvolve um caso clínico especifico desse problema, a psicologia a trata de uma pessoa que  SOFRE um ataque homofóbico. Ou seja, a homofobia não é algo que a pessoa desenvolve por vontade própria ou tomada de raciocínio, a homofobia é algo que se desenvolve por um disturbio de doença da ordem psíquica, logo, como associar essa palavra a um ato por exemplo de  PRECONCEITO, que quer dizer outra coisa completamente diferente, ou seja;
Preconceito (prefixo pré-conceito) é um “juízo” preconcebido, manifestado geralmente na forma de uma atitude  “discriminatória” perante pessoas, lugares ou tradições considerados diferentes ou “estranhos”.
Peraí, então estão usando até a palavra errada para justificar a causa! eu não tenho medo de um ser humano por ele ser gay, você tem? outra coisa, preconceito explica atos de selvageria contra o ser humano, mas homofobia meu querido…. é uma palavra no meu ver muito mal colocada pra associar a causa gay no mundo.
Caro irmão, não precisa ser agressivo e tão pouco cometer o erro criminoso do preconceito. Mas não abra mão de dizer que homossexualismo é pecado, e Deus abomina esse e todos os outros tipos de pecado, e nem por isso você deve ser chamado de homofóbico.
Mas o perdão de Deus está pronto pra trazer de volta aquele que se desgarrou.
Diga isso ao mundo; Deus ama o pecador, mas abomina o pecado.
Em Cristo;

Por Eliseu Soares


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Tags

(766) Cristãos Perseguidos (519) Cristãos (515) Bíblia (484) Intolerância Religiosa (362) Israel (333) Evangélicos (302) igreja (263) Reflexão (247) apocalipse (192) oração (181) Homosexualismo (177) catolicismo (151) Rede Record (146) homofobia (146) Irã (138) escatologia (132) Missões (131) Evento Gospel (128) Silas Malafaia (124) pecado (119) Política (112) islan (110) ateus (109) Religião (105) judeus (105) Milagres (103) Natal (102) Aborto (101) Ahmadinejad (91) esporte (91) Criança (90) Testemunho (85) globo (77) guerra (72) Salvação (69) Perdão (67) Morte (64) pastores (64) Aline Barros (59) Religiosidade (56) Yousef Nadarkhani (56) PL122 (55) Amor (53) adoração (48) heresia (47) Drogas (41) Prosperidade (41) festival promessas (41) Judaísmo (39) Thalles Roberto (39) campina grande (39) Apostasia (37) carnaval (36) Idolatria (34) mulçumanos (34) Estados Unidos (33) Família (33) Maconha (31) adoradores (29) Shows (28) Catástrofes (26) Hipocrisia (25) esperança (22) Confiança (19) Mentira (19) Alegria (18) Nasa (18) Páscoa (17) DIP (16) Oriente Médio (16) Rei David (16) adversidade (16) consciência cristã (16) BAND (15) Conforto (15) Paz (15) Pena de Morte (15) Pornografia (15) Promessa (15) Sofrimento (14) Suicídio (14) BBB (12) Graça (12) Tatuagem (12) obediência (12) benção (11) dia das mães (11) impureza (11) Ansiedade (10) Rio +20 (10) livro (10) masturbação (10) Catástrofe (9) Desobediência (9) Filho pródigo (9) Justin Bieber (9) Perlla (9) Jotta A (8) Pedro Leonardo (8) Whitiney Houston (8) filho de crente (8) sony music (8) Darwin (7) Eutanásia (7) Hackers (7) Perigo (7) Senadores (7) União (7) livre arbítrio (7) presença de Deus (7) Perfeição (6) cura pela palavra (6) alienígenas (5) lei da palmada (5) Aline Barros mostra sua filha (4) Cegueira Espiritual (4) Kaka (4) Purgatório (4) escolhas (4) texto e contexto (4) torá (4) vasco (4) Gratidão (3) Ressentimento (3) Segurança (3) Semeadura (3) Sodomia (3) o Caminho (3) servos (3) vigilância (3) Cristo Redentor 80º aniversário (2) Guinnes Wolrd Records (2) Harold Camping (2) Impossiveis (2) Pressa (2) Sonho de infância (2) mundial da juventude (2) Flórida (1) Galardão (1) Michel Teló (1) Redenção (1) impios (1) recall (1) vingadores (1)

Uma Reflexão sobre a Crise no Brasil